JAICÓS | Dois vereadores do PMDB deixam a oposição e se unem ao prefeito Neném de Edite
Publicado por: Danilo Bezerra | Data: 01/09/17

JAICÓS | Dois vereadores do PMDB deixam a oposição e se unem ao prefeito Neném de Edite

Depois de muitas especulações nos bastidores da política local, a aliança entre o PMDB e o grupo político liderado pelo prefeito de Jaicós, Ogilvan da Silva Oliveira, o Neném de Edite   – PSD, se concretizou. Esta semana, o PMDB decidiu deixar a oposição para compor a base aliada ao Governo Municipal na Câmara.

O prefeito divulgou imagens da última reunião que teve com as lideranças políticas do PMDB, quando a união foi selada. Estiveram presentes o prefeito Neném de Edite, os dois vereadores do PMDB, Benedito Alencar e João Bosco, e duas lideranças políticas do partido, os empresários Chico Tauá e Chico Pajeú, além do vereador Márcio Crisanto, líder do prefeito na Câmara, o chefe de gabinete José Acelino, o assessor Deusmar Costa e o secretário de Cultura, Dejerson Lima.

Segundo informou o prefeito, por telefone, a união ocorreu a partir de um interesse em comum, o desenvolvimento do município de Jaicós. “Nós temos um projeto de desenvolvimento para o município de Jaicós, e todos que tiverem o mesmo ideal, o mesmo pensamento, serão nossos aliados. E foi isso que aconteceu com o PMDB, esse partido importante, que tem história no município de Jaicós, e que manifestou o desejo e assumiu o compromisso de contribuir com esse nosso projeto”, disse.

Neném de Edite informou que o processo de aliança foi longo. “Nós fizemos várias reuniões para tratar sobre essa união. Nós colocamos nossos projetos, o PMDB também apresentou o deles, e chegamos ao entendimento de que juntos poderemos fazer mais por Jaicós, essa terra que tanto precisa de investimento, de políticos que atuem com responsabilidade e priorizem o município”, pontuou.

Bancada na Câmara
Com a adesão dos dois vereadores do PMDB, a base aliada ao Governo Municipal prefeito passa a ter oito dos onze vereadores do município. Neném de Edite foi eleito prefeito em outubro de 2016, com ampla vantagem, ao disputar as eleições contra outros dois candidatos. O resultado projetou Neném como uma grande liderança política, ao derrotar os tradicionais grupos políticos das famílias Crisanto e Silveira.

Seu grupo elegeu quatro vereadores – Oziana Oliveira (PSD), Francisca Rodrigues (PSDB), Márcio Crisanto (PROS) e Sirlene Lopes (PPL). Logo no início da gestão, os vereadores Divino Macedo (PSB) e Irmão Jessé (PSC) deixaram a oposição para compor a base. Com isso, Neném passou a ter maioria na Câmara. Agora, o grupo se fortalece ainda mais, tendo em vista que o PMDB é um dos partidos com maior representatividade no Legislativo, com duas cadeiras.

Neném de Edite, prefeito de Jaicós

Neném acredita que as adesões são consequência de um trabalho realizado. “A população de Jaicós sabe da minha vontade de trabalhar por essa terra, conhece a minha história de luta, o tanto que eu e meus amigos temos trabalhado, desde antes de ser prefeito. […] A eleição passou e a história agora é outra. Vamos acabar com a rivalidade e pensar em Jaicós. Se cada uma liderança, político ou partido se esforçar e buscar investimentos para Jaicós, nós vamos mudar esse município em quatro anos. E isso que a gente quer, fazer uma nova história”, disse Neném.

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

Jaicós 0 Comments

Multidão se despede do jovem João Paulo no interior de Jaicós; fotos

Em meio a muita comoção e tristeza, centenas de pessoas deram um último adeus ao estudante João Paulo Paiva, de 16 anos. O corpo do jovem foi velado durante o

DESTAQUES

Homem reage a assalto e fica ferido em Monsenhor Hipólito

Um homem identificado como Edmar Manoel Rodrigues, de 57 anos, ficou gravemente ferido durante uma tentativa de assalto em sua residência na noite dessa sexta-feira (08), por volta das 19h.

Padre Marcos

PADRE MARCOS | Prefeito Valdinar investe na qualidade do transporte escolar

As aulas na Rede Pública Municipal de Ensino, em Padre Marcos, terão início na próxima segunda-feira (5), quando professores e mais de 1.400 alunos retornarão às atividades em sala de