“Meu erro foi esconder a gravidez”, diz acusada de matar filhos
Publicado por: Francieldo Araújo | Data: 08/11/18

“Meu erro foi esconder a gravidez”, diz acusada de matar filhos

A mulher identificada como Hildelene de Sousa Lima, de 26 anos, acusada de ter jogado dois filhos recém-nascidos em um matagal no município de Curralinhos, foi conduzida pelos policiais do 17º batalhão até a Central de Flagrantes na noite de quarta-feira (07/11). Ao chegar no local, foi liberada pelo delegado por falta de documentos e testemunhas.

O repórter Kilson Dione conseguiu com exclusividade um vídeo da acusada afirmando qual foi seu erro. “O meu erro foi ter escondido a gravidez, mas não matei meus filhos, eu sai de casa e não sei onde eles ficaram”, declarou ela.

Hildelene escondeu a gravidez de sua família durante toda a gestação, ao perceber que ia dar a luz, ela se escondeu em um matagal. A mãe da acusada percebeu a movimentação da filha voltando do mato e correndo ensanguentada para dentro do banheiro da casa e  pediu para seu filho ir até o local de onde a mulher tinha saído, lá ele encontrou um casal de gêmeos enrolados em uma toalha. A mulher usava duas cintas de compressão para esconder a barriga.

Ela foi encaminhada pela família para o hospital de Demerval Lobão, chegando lá, foi presa e encaminhada para a Central de Flagrantes. O delegado de plantão da Central alegou falta de documentação e de testemunhas, por isso fez sua liberação ainda na mesma noite.

“Ela vai voltar para  a cidade e o delegado da cidade é que vai decidir o que vai fazer com ela, o médico do hospital deu alta para ela, a ordem veio do tenente comandante da companhia e da juíza e a gente trouxe para a Central só que falta o laudo e falta testemunha para ela poder ser presa em flagrante. Então o delegado se recusa a receber, o delegado da cidade vai ter que fazer uma portaria e investigar para ver se houve mesmo infanticídio”, disse o policial.

 

 

 

 

Fonte: Meio Norte

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES 0 Comments

Promotor poderá pedir fechamento de 50 cursos da UESPI; veja quais

O Ministério Público do Estado do Piauí, através da 44ª Promotoria de Justiça, realizou, nesta segunda-feira (16), mais uma audiência para tratar da situação da Universidade Estadual do Piauí. De

Jacobina do Piauí

Com shows de Gabriel Diniz e Zezo, Feira Agropecuária de Jacobina acontece nesse final de semana

Considerado como o maior evento do município, será realizado neste final de semana em Jacobina do Piauí, a 4ª edição da Feira Agropecuária, denominada Ovinocaprishow. A Feira Agropecuária é uma

DESTAQUES 0 Comments

TSE determina retorno ao cargo do prefeito cassado de Bocaina

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) acatou na tarde de ontem, 5, pedido de liminar interposto pelo prefeito cassado de Bocaina, Nivardo Silvino de Sousa (PTB) e determinou o seu retorno