Após irregularidades, Nucepe cria força-tarefa para fiscalizar concursos
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 19/04/17
Comments 0

Após irregularidades, Nucepe cria força-tarefa para fiscalizar concursos

Órgãos do Estado se reuniram no final da manhã desta quarta-feira (19/04) na Universidade Estadual do Piauí (Uespi) para tratar das irregularidades nos serviços prestados para concursos públicos pelo Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe). Na reunião foi decidido criar uma comissão de fiscalização para que haja um acompanhamento dos mesmos, evitando que irregularidades aconteçam novamente.

“O saldo que se tira de uma reunião como essa é de fortalecimento da institucionalidade pública. O Nucepe é um órgão que preza pelo zelo, pela transparência e probidade na realização de concursos públicos mas que infelizmente essa imagem está ameaçada em função dos sucessivos ataques em tentativa de burlar os concursos públicos”, disse ao OitoMeia o reitor da Uespi, Nouga Cardoso.

Reitor da Uespi, Nouga Cardoso / (Foto: Margella Furtado / OitoMeia)

Saiba mais em: Concurso para agente penitenciário no Piauí é cercado por suspeitas de fraudes e reclamações

O reitor disse ainda que essa decisão é uma força tarefa com membros de todas as instituições de seguraça do Estado do Piauí somando-se a isso a ordem dos Advogados (OAB)e o Ministério Público. “Não tendo dúvidas que isso vai trazer a segurança que os concurseiros precisam, o objetivo é de fazer um acompanhamento para que conhecendo o processo do concurso não ocorram irregularidades”, explicou.

Presidente da Comissão da OAB, Renato Catunda / (Foto: Margella Furtado / OitoMeia)

O presidente da Comissão de Concurso Público da OAB, Renato Catunda disse que essa comissão vem para tentar minimizar problemas de fraudes até questões procedimentais. “A comissão vai vir para sugerir métodos de segurança, de aplicação até mesmo forma de seleção de candidato, para que não aconteça o que aconteceu com outros concursos, a nossa comissão vai atuar de forma concomitante do começo do concurso até o final”, frisou.

Presidente da OAB, Chico Lucas/ (Foto: Margella Furtado / OitoMeia)

Chico Lucas, presidente da OAB também esteve presente e disse à reportagem que deve haver esse acompanhamento. “A ideia é que agentes externos, OAB, TCE, Ministério Público participem da tomada de decisão nos procedimentos, assim teremos um concurso idôneo, sem fraudes e principalmente um concurso que evite judicializações ao longo do anos trazendo prejuízo para a sociedade que perde com a falta desses servidores públicos”.

POLÍCIA MILITAR DEFENDE NUCEPE

Além da OAB , a polícia militar também estava presente na reunião representada pelo o tentente da diretoria de inteligência da Polícia Militar, Scheiwann Lopes. “O Nucepe é um órgão isento, esses ataques ao Nucepe são infundados, o que acontece é a esperteza dos criminosos que agem na hora de realizar a prova do concurso, nós queremos tirar esse foco de que o problema está na elaboração do concurso, queremos que a sociedade piauiense tenha a garantia de que ao fazer o concurso vai está fazendo algo sério”, disse o tenente.

Tenente da Polícia Militar, Scheiwann Lopes / (Foto: Margella Furtado / OitoMeia)

Lopes disse também que o órgão fica satisfeito com a criação da comissão. “Fazendo isso, nós teremos um acompanhamento para que tudo seja feito na maior lisura possível, ou seja selecionando o que há de melhor nos participantes para que os aprovados possam compor as fileiras da Polícia Militar”, falou.

A data para que os representantes de cada órgão do governo se apresente ainda não foi decidida, entretanto o Reitor Nouga disse em reunião que pretende receber os nomes para que esse processo seja agilizado

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

NOTÍCIA DESTAQUE

JAICÓS | 10 anos da Festa do Vaqueiro leva multidão do povoado Várzea Queimada; fotos

Uma festa cultural que cresce a cada ano. Assim pode ser definida a Festa do Vaqueiro do povoado Várzea Queimada, uma grande comunidade situada zona rural do município de Jaicós

NOTÍCIA DESTAQUE

Após cirurgia no braço, músico Jorginho passa bem

Após acidente automobilístico, o músico picoense Jorge Ferreira Alves, o Jorginho, foi submetido na tarde desta terça-feira (22) a procedimento cirúrgico no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A cirurgia

NOTÍCIA DESTAQUE

Mulher vai pedir ajuda para prefeito, mas acaba sendo algemada e presa

Uma mulher foi presa após ter ido pedir ajuda ao prefeito de Buriti dos Lopes, nesta sexta-feira (25/01), na sede da Prefeitura Municipal do município. As informações são do Portal do Rurik. A