Há exatos 30 anos, partia Dr. Francisco Macêdo, saudoso Ex-prefeito de Padre Marcos-PI
Publicado por: José Antônio Ferreira Costa | Data: 29/04/19

Há exatos 30 anos, partia Dr. Francisco Macêdo, saudoso Ex-prefeito de Padre Marcos-PI

29 de Abril de 2019, há exatos 30 anos perdemos a presença insubstituível de Francisco Luís de Macedo, médico e ex-prefeito do município de Padre Marcos, pessoa de muitas qualidades e de inesquecível memória, que nos deixou um grande legado de lealdade às suas amizades e de compromisso com a vida pública a que  tanto se dedicou até o seu último dia de existência.

E mesmo se passando três décadas, sempre estamos em contato com suas obras e feitos que ainda beneficiam a população de toda a região que um dia fez parte do seu governo, sendo ainda mais forte essa lembrança na nossa cidade, que traz literalmente o seu nome “Francisco Macedo” como prova de que aqui esse grande homem deixou marcas sólidas e inesquecíveis, principalmente pra os seus contemporâneos que desfrutaram do breve tempo q esteve conosco.

A sua morte interrompeu uma promissora trajetória, que poderia ter trazido muito progresso e desenvolvimento pra nosso sofrido torrão, mas sua biografia continuará viva para as futuras gerações que vão precisar muito de seu referencial e exemplo de dignidade.

Por: Francisco Erasmo, o Chichiquinho, de Francisco Macedo-PI./ Via Portalvilanovanoticias

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

GERAL

Ministério das Cidades lança no Piauí novo programa de saneamento

O programa Avançar Cidades – Saneamento do Governo Federal – através do Ministério das Cidades, será lançado nesta sexta-feira (6). A expectativa é de investimento de R$2,2 bilhões em ações

Motociclista perde o controle, desce aterro e morre após colidir em cerca

O corpo de um jovem de 25 anos, identificado como Edson Vidal Cerqueira, foi encontrado por populares por volta das 6 horas da manhã desta sexta-feira (1º/07), às margens da

GERAL

Governo começa a mapear estatais para privatização no Brasil

O governo Jair Bolsonaro tenta fechar a conta das concessões e outorgas previstas para este ano, com a ambição de atingir os US$ 20 bilhões (cerca de R$ 75,3 bilhões)