Mudança na Maria da Penha define apreensão imediata de arma de fogo de agressor
Publicado por: | Data: 09/10/19

Mudança na Maria da Penha define apreensão imediata de arma de fogo de agressor

O Diário Oficial da União (DOU) desta quarta-feira, 9, publica duas alterações na Lei Maria da Penha. As mudanças constam de leis sancionadas pelo presidente Jair Bolsonaro.

A primeira norma prevê a apreensão de arma de fogo sob posse de agressor em casos de violência doméstica. A apreensão da arma, nesses casos, será imediata.

A outra norma dá prioridade a mulheres em situação de violência doméstica e familiar para matricular seus dependentes em escola perto de casa, independentemente da existência de vaga.

Segundo a lei, serão sigilosos os dados da ofendida e de seus dependentes matriculados ou transferidos, e o acesso às informações será reservado ao juiz, ao Ministério Público e aos órgãos competentes do Poder Público.

Fonte: Estadão Conteúdo

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

GERAL

Campanha online contra reajuste de salário do STF passa 2 milhões de inscritos

Uma campanha online contra o reajuste de 16,38% no salário dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) já conta com mais de 2 milhões de assinaturas. A iniciativa foi feita pelo Partido Novo, que também

GERAL

Piauí vai sediar Fórum Regional de Gestores da Agricultura Familiar

O Fórum Regional de Gestores e Gestoras Estaduais da Agricultura Familiar, que teve a sua segunda edição neste ano durante os dias 3 e 5 deste mês de julho, em

GERAL

Motociclistas com IPVA atrasados já podem aderir a programa de desconto; veja como

A situação de mais de 300 mil motocicletas que circulam irregularmente no Estado vai poder ser resolvida com adesão ao programa Fique Legal de Moto. A adesão já está disponível pela internet,