Termoelétricas estão paradas, mas adicional na conta de luz permanece
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 30/10/15

Termoelétricas estão paradas, mas adicional na conta de luz permanece

A cobrança do adicional da bandeira vermelha no Piauí é feita de forma injusta. Isso porque, a existência desta tarifa está condicionada à geração de energia através de termoelétricas, um processo mais caro do que o das hidrelétricas. No Piauí, entretanto, as quatro usinas estão paradas desde junho.

De acordo com a empresa Enguia Gen, responsável pelas termoelétricas de Campo Maior, Teresina, Nazária e Altos, não houve despacho no estado para que a usina fosse acionada. A expectativa é de que isso aconteça em dezembro e janeiro.

Segundo Luís Coelho, secretário de Mineração, Petróleo e Energias Renováveis, as termoelétricas do Piauí não precisaram ser acionadas porque o estado está produzindo mais energia eólica. “Na região Norte, o parque eólico está alimentando a subestação de Piripiri. Na região Sul, a energia usada em Picos vem da subestação de Marcolândia”, explica o secretário.

A bandeira vermelha só continua sendo cobrada na conta de luz dos piauienses, porque faz parte de uma política nacional. Como outros lugares do Brasil ainda estão utilizando a forma mais cara de geração de energia, o adicional permanece.

A cada 100 kw gastos, é acrescido o valor de R$ 4,50. Ou seja, em uma conta de luz de aproximadamente R$ 200,00, R$ 13,00 corresponde somente ao adicional da bandeira vermelha.

 

 

Portal O Dia

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

WhatsApp pode voltar a ser bloqueado no Brasil, afirma delegado

Apesar de ter sido solto da prisão em São Paulo nesta quarta-feira (2), após um dia detido, o vice-presidente do Facebook na América Latina, Diego Dzordan, ainda deverá responder judicialmente

GERAL

Seduc vai convocar mais 100 professores concursados

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc-PI) vai convocar na próxima semana cerca de 100 professores concursados para ingressarem em sala de aula no interior do Estado. As vagas surgiram

GERAL

Exemplo de sucesso, jovem juiz Piauiense inspira concurseiros por todo o país

O piauiense Pedro Felipe de Oliveira Santos, 27 anos, fez história ao se tornar o mais jovem juiz do Brasil com apenas 25 anos de idade. Agora, o rapaz auxilia