Última vítima da barbárie de Castelo recebe alta do Hospital de Urgência
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 04/07/15

Última vítima da barbárie de Castelo recebe alta do Hospital de Urgência

Depois de ter recebido alta na semana passada e horas depois ter retornado ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT), por conta de reações ao medicamento tomado, a última vítima da barbárie acontecida no município de Castelo do Piauí, teve alta definitiva. A garota de 17 anos deixou o hospital na manhã deste sábado (04/07).

Foram 38 dias internadas, após o crime cometido por quatro menores e um adulto, onde ela e mais três amigas foram violentadas e jogadas de cima de um penhasco na cidade de Castelo do Piauí. Uma delas, Danielly Rodrigues, não resistiu aos ferimentos e morreu.

O diretor do hospital, Gilberto Albuquerque, disse que a garota teve traumatismo craniano e ficou por vários dias na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Após se recuperar da paste física, ela agora deverá ser acompanhada por psicólogos.

As três menores já foram ouvidas sobre o caso e relataram tudo que aconteceu no dia e não restam mais dúvidas para a polícia sobre a participação dos quatro menores e do adulto Adão José da Silva Sousa, 40 anos. Todos foram denunciados ao Ministério Público e Adão pode pegar até 151 anos de detenção.

Os menores continuam no Centro Educacional de Internação Provisória (CEIP). Já Adão, está na na Casa de Detenção de Altos.

 

180 Graus

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

GERAL

Começam nesta segunda-feira (08) as inscrições para a 2ª fase do Programa Mais Médicos

A partir desta segunda-feira (8) começam as inscrições para a 2ª fase do edital do  Programa Mais Médicos, agora destinadas a brasileiros formados no exterior. Os profissionais interessados em aderir

Governo ofertará bolsas para pesquisadores e estudantes

O governador Wellington Dias assinou, nesta terça-feira (6), o termo de cooperação técnica entre a Fundação Cepro, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí (IFPI), com a

GERAL

Fim das quedas no sistema do Detran deve custar 11 milhões

O Governo do Piauí quer concluir no primeiro semestre de 2018 as mudanças em tecnologia que visam resolver os problemas de queda de sistema do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-PI),