12ª Vaquejada do Parque dos Vaqueiros é aberta em Jaicós e segue até o domingo (16); premiação é de 6 mil reais
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 15/06/19

12ª Vaquejada do Parque dos Vaqueiros é aberta em Jaicós e segue até o domingo (16); premiação é de 6 mil reais

A cidade de Jaicós está sediando mais uma vez a Vaquejada do Parque dos Vaqueiros, grande evento cultural, recreativo, esportivo, e festivo, que anualmente é realizado, contribuindo para manter viva a cultura do vaqueiro nordestino.

O evento, que este ano chega à sua 12ª edição, foi aberto na noite desta sexta-feira (15) e segue até o domingo, 16 de junho, no Parque dos Vaqueiros, situado na saída para Massapê do Piauí.

A abertura foi realizada com a entrada de jovens vaqueiros, conduzindo as bandeiras do Brasil, Piauí e Jaicós. Em seguida foi realizada uma oração. Logo após teve início o Bolão Mirim, voltado para vaqueiros de até 15 anos de idade.

Já na programação deste sábado (15), tem início as disputas nas categorias aspirante e profissional, contando com a participação de vaqueiros de diversas cidades, como Caridade do Piauí, Curral Novo, Jacobina, Patos do Piauí, Itainópolis, Picos, Geminiano, Belém do Piauí, São Julião e Araripina-Pernambuco.

Este ano o evento terá uma premiação de 6 mil reais, dividida nas duas categorias, sendo R$ 2 mil para aspirante e R$ 4 mil para a categoria profissional.

Em entrevista ao Cidades na Net, Francildo de Carvalho, que integra a organização do evento, explicou sobre a competição. “Temos uma premiação de mais de mais de 6 mil reais, sendo 4 mil na categoria aberta e 2 mil na aspirante. Na categoria aberta a premiação é de 1.500 no primeiro lugar e 5 vagas iguais de 500, todas acompanhadas de troféu. Na aspirante são 4 vagas iguais de 500, acompanhadas de troféu” disse.

Francildo de Carvalho ainda disse que o intuito é fazer a cada ano uma festa melhor. “Nos organizamos para fazer uma festa bonita, melhor do que as outras, porque a tendência é que a cada ano que passa melhoremos nossa festa.  E deixo meu convite a todos os vaqueiros, chefes de equipe e a população em geral a marcar presença nessa 12ª Vaquejada do Parque dos Vaqueiros de Jaicós” disse.

O empresário Valdemiro Miguel da Silva, organizador do evento, disse que realiza a vaquejada com apoio da população. “Eu adoro as pessoas de Jaicós e faço essa vaquejada todos os anos porque não tem outro esporte na cidade, por isso venho mantendo esse evento todos os anos, conseguindo o apoio do povo, das pessoas humildes que me ajudam. É um prazer que tenho de todo ano fazer e receber todo mundo aqui” disse.

Valdemiro também falou da grande participação e agradeceu aos que colaboraram para a realização do evento. “De toda localidade da região temos participantes. Hoje mesmo na abertura estamos satisfeitos com a participação e amanhã, com fé em Deus, vai ter bastante vaqueiros, porque eles gostam da nossa festa. Então, só tenho que agradecer primeiramente a Deus, depois a população que me ajuda e aos vaqueiros que vem” falou.

Além das disputas, o evento também conta com atrações musicais. Neste sábado, 15, haverá show com o cantor forrozeiro Cumpade Marins. E no domingo, dia 16 de junho, as festividades encerram com o artista local, Orlando Estourado.

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

Jaicós

Prefeitura de Jaicós divulga atrações e edital do Festival de Quadrilhas do São João do Galo

A Prefeitura Municipal de Jaicós, que como gestor, Ogilvan da Silva Oliveira, Neném de Edite,  através da Secretaria Municipal da Juventude, Cultura, Esporte, Lazer e Turismo, divulgou nesta quinta-feira, 01,

Vila Nova do Piauí

VILA NOVA│Corpo de Bombeiros realizará palestra sobre prevenção e combate à incêndios florestais

No dia 1º agosto do corrente ano (próxima quinta-feira) o município de Vila Nova do Piauí recebe os militares do Corpo de Bombeiros da cidade de Picos. A palestra será

Fronteiras 0 Comments

FRONTEIRAS | Trabalhadores da fábrica de cimento entram de greve. Veja!

O clima é de tensão na fábrica de cimento Itapissuma S/A na cidade de Fronteiras, trabalhadores decidiram parar as atividades por tempo indeterminado na empresa por conta de atraso salarial.