Empresário de internet morre ao cair de torre na região de Paulistana
Publicado por: Danilo Bezerra | Data: 28/04/16
Comments 0

Empresário de internet morre ao cair de torre na região de Paulistana

O empresário do ramo de provedor de internet, Cristino Sousa, proprietário da Max Speed, com atuação em diversas cidades da região faleceu no fim da tarde desta quinta-feira, 28, após sofrer um acidente de trabalho. O fato aconteceu por volta das 17h, numa comunidade chamada Angical de Cima, zona rural do município de Acauã.

Segundo informações, Cristino e outros funcionários da empresa trabalhavam na montagem de uma torre. O empresário estava no topo da torre, de cerca de 27 metros de altura, quando a estrutura apresentou problemas e declinou. Cristino ainda teria se segurado na torre, mas acabou desabando.

O empresário foi socorrido por um familiar que reside na cidade de Acauã (PI), ainda com vida. Foi levado para o Hospital Regional de Paulistana, mas não resistiu às lesões e teria dado entrada já sem vida na unidade de saúde. O mesmo teria sofrido fraturas nos membros inferiores e superiores.

Cristino forneceu internet por vários anos nas cidades de Jaicós, Massapê, Belém, Padre Marcos e Francisco Macedo. A Max Speed é, atualmente, uma das maiores empresas do segmento na região de Paulistana.

Com informações do Blog FNNotícias.

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES 0 Comments

CAMPO GRANDE | Duas irmãs são eleitas vereadoras em grupos diferentes

No município de Campo Grande do Piauí, no último domingo (2), duas irmãs foram eleitas vereadoras. Elas disputaram as eleições em lados opostos. Jardânia Ramos Bezerra (PP) disputou as eleições

MUNICÍPIOS

TCE fará visitas de validação do IEGM em 58 municípios do Piauí; veja quais

Entre os dias 4 e 8 de julho equipes de fiscalização do Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) realizarão visitas técnicas em 58 municípios para validar as informações obtidas através do questionário

DESTAQUES 0 Comments

MPF prorroga prazo para que prefeitos criem portal da transparência

O Ministério Público Federal prorrogou até o dia 20 de maio o prazo para que os gestores públicos instalarem nos sistemas do município o portal da transparência. O MPF alerta