Fernando Haddad tem 41%, Bolsonaro e Ciro empatados no Piauí, revela Opinar
Publicado por: Francieldo Araújo | Data: 18/09/18

Fernando Haddad tem 41%, Bolsonaro e Ciro empatados no Piauí, revela Opinar

Uma semana oficializado pelo PT candidato à Presidência da República, o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad registra uma subida vertiginosa no estado. De acordo com o Instituto Opinar, o petista aparece com 41,87% das intenções de voto na pesquisa divulgada nesta terça-feira (18) no Jornal do Piauí.

No levantamento anterior, Haddad tinha 16,91% ainda na indefinição se seria candidato no lugar de Lula.

Empatados tecnicamente com 13% das intenções de votos estão Jair Bolsonaro (PSL) e Ciro Gomes (PDT).

A candidata da Rede, Marina Silva, registra queda com 4,71% dos votos, quando na pesquisa anterior ela tinha 6,38%. O candidato do PSDB, Geraldo Alckmin manteve estável com 2,59%.

A pesquisa entrevistou 1.082 eleitores no estado entre os dias 13 a 16 de setembro. A margem de erro é de 2,97% para mais ou para menos.

O levantamento foi registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número PI-02809/2018 (cargos governador, senador, deputado estadual e federal) e BR-06496/2018 (cargo presidente). Foram entrevistados eleitores em 59 municípios.

Fonte: Cidade Verde

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍTICA

Maia diz estar à disposição para que direitos de Lula sejam garantidos

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta tarde que a determinação da Justiça de transferir o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silvade Curitiba para São Paulo é uma

POLÍTICA

Themístocles fala sobre vaga de vice e pede calma aos aliados

O presidente da Assembleia Legislativa do Estado, deputado Themístocles Filho (MDB), pediu calma aos aliados sobre a escolha do vice na chapa majoritária governista. O emedebista participou da visita do

POLÍTICA

Luciano lamenta saída de Elmano e diz que buscará apoio do senador

O pré-candidato a governador pelo PSDB, Luciano Nunes, está de olho no apoio do senador Elmano Férrer, que formalizou hoje sua desistência na disputa pelo Palácio de Karnak nas eleições