Senado Federal aprova voto distrital para vereadores
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 22/04/15

Senado Federal aprova voto distrital para vereadores

Os vereadores de municípios com mais de 200 mil eleitores poderão ser escolhidos por voto distrital. A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado Federal aprovou a mudança prevista no projeto PLS 25/2015 nesta quarta-feira (22).

Pela proposta do senador José Serra (PSDB-SP), as cidades deste porte serão divididas em distritos, em número igual ao de vagas na Câmara Municipal. Cada distrito elegerá um vereador por maioria simples (50% dos votos mais um). O candidato mais votado será o eleito.

O texto prevê que o partido ou coligação possa registrar apenas um candidato por distrito e cada vereador terá um suplente. Os Tribunais Regionais Eleitorais serão responsáveis por definir os distritos, observando a continuidade do território e a igualdade de voto.

O relator na CCJ, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), leu seu voto favorável ao projeto e conseguiu aprovar uma emenda para excluir dispositivo que previa o fim da propaganda eleitoral dos candidatos a vereador.

Apesar de haver dificuldade técnica para divulgar a propaganda eleitoral focada no distrito,  Eunício Oliveira disse que caberá aos partidos definir quais distritos e candidatos devem ter prioridade.

Se não houver apresentação de recurso para que a matéria seja examinada pelo plenário do Senado, a proposta segue direto para a Câmara dos Deputados. A expectativa é que a proposta seja decidida a tempo de valer para as eleições de 2016.

Fonte: Agência Brasil

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍTICA

Cedo demais para avaliar a gestão de Bolsonaro

O prefeito de Teresina Firmino Filho (PSDB) falou nesta segunda-feira (5) que a relação da Prefeitura da capital com o governo do presidente Jair Bolsonaro (PSL) é boa. Ele destacou

Jaicós

JAICÓS | Prefeito nomeia novo secretário de Administração e diretora do Hospital

O Diário Oficial dos Municípios do Piauí trouxe nas edições desta terça (5) e quarta-feira (6) as publicações das portarias que oficializam as mudanças no secretariado da gestão do prefeito

POLÍTICA

Margarete rebate críticas e diz que discurso de Zé Filho “não pega”

Após uma série de críticas de Zé Filho (PMDB) à Wellington Dias (PT), de que o Estado não evoluiu enquanto o petista era governador, a candidata à vice-govenadora pela coligação