Wellington comenta rejeição do título de cidadania para João Doria
Publicado por: Junior Oliveira | Data: 22/08/17

Wellington comenta rejeição do título de cidadania para João Doria

O governador Wellington Dias (PT) comentou a decisão da Câmara Municipal de Teresina de não aprovar um título de cidadania para o prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB). A proposta havia sido apresentada pelo vereador Luís André (PSL) e eram necessários 20 votos favoráveis, mas somente 18 foram a favor e 8 foram contra.

Firmino Filho (PSDB) não encarou bem a recusa da Câmara em conceder o título, principalmente porque ele possui apoio da maioria dos vereadores. Ele afirmou que a não aprovação foi “deselegante” e “injusta”. O prefeito chegou a se reunir com os aliados e exigiu que a proposta seja reapresentada e que todos os aliados compareçam na nova votação.

Wellington Dias afirmou que o importante é que sejam obedecidos critérios para a concessão da honraria. “Eu não sei o contexto [da rejeição]. O que eu digo sempre é que na fase de vereador e deputado estadual, sempre que ia conceder um título de cidadania, mostrava a necessidade de se ter muito critério. Acho que não pode ser por critério político”, disse.

Governador Wellington DiasGovernador Wellington Dias

Ele explicou que é importante olhar a vida homenageado e que não iria interferir na decisão da Câmara. “Tem que olhar a vida da pessoa, pois é uma homenagem à pessoa, independente se ela tem um cargo ou não tem, pela sua história e pelo que já fez, mas a Câmara tem a capacidade de analisar essas questões melhores do que eu”, explicou.

Fonte: GP1

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍTICA

Jornal do Senado destaca projeto de Ciro Nogueira

Um projeto recém-apresentado pelo senador Ciro Nogueira (Progressistas/PI), para ajudar a combater a evasão escolar de estudantes carentes, foi destaque da edição desta sexta-feira (19) do Jornal do Senado. O

POLÍTICA

Lula pode ser ‘inelegível’ antes do horário de TV

Advogados do PT avaliam nos bastidores que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) pode julgar o registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, declarando-o inelegível, antes do início

Fronteiras 0 Comments

FRONTEIRAS | Em Teresina prefeita Maria José assina convênio com a FUNASA para elaboração do Plano Municipal de Saneamento Básico

A prefeita de Fronteiras, Maria José de Sousa Ayres, participou nessa sexta-feira (06) da Assembléia Geral Ordinária da Associação Piauiense de Municípios (APPM) que elegeu Gil Carlos para presidir a