Wilson nega briga com Átila e Heráclito e admite mudanças
Publicado por: Junior Oliveira | Data: 12/08/17

Wilson nega briga com Átila e Heráclito e admite mudanças

O ex-governador Wilson Nunes Martins afirmou ao GP1, nesta sexta-feira (11), que não existe briga ou incômodos entre o PSB do Piauí com os deputados federais Heráclito Fortes e Átila Lira que estão em rota de colisão com a executiva nacional do partido. O ex-governador explicou que todos estão irmanados, independente da permanência ou não dos dois no Partido Socialista Brasileiro.

Wilson chegou a declarar que se houver a necessidade de mudança de legenda ela será feita e avisou que ocorrerá sem o menor risco de causar prejuízos a boa convivência entre as partes.

“Não há briga e nem confusão da nossa parte com os deputados Átila e Heráclito. As arestas com a executiva nacional não vão prejudicar o nosso bom relacionamento. Independente de ficar em partidos, de sair de partido, nós estamos irmanados em prol de projeto maior que é apresentar alternativas de poder para a sociedade e contrapor o Governo do PT. Se nesse processo verificarmos que será preciso mudar de partido para fortalecer nosso projeto, isso será feito sem prejuízos, sem brigas, tudo em consenso, pois formamos um partidão”, adiantou Martins.

                                                                                                                                                                                     Foto: Divulgação

Wilson com os deputados Rodrigo Martins, Átila Lira e Heráclito Fortes Wilson com os deputados Rodrigo Martins, Átila Lira e Heráclito Fortes

À nossa reportagem, o ex-governador adiantou que esse pensamento foi reafirmado durante reunião em Brasília com a bancada piauiense de deputados federais do PSB. “Estamos em total harmonia, não tem confusão. Isso que falei foi todo reafirmado ontem quando estivemos reunidos. A certeza que nós temos é que a oposição sairá vitoriosa nas eleições de 2018. O povo quer mudança e vamos apresentá-la”, garantiu.

O impasse

Heráclito Fortes e Átila Lira estão na mira do PSB nacional, isso porque a executiva central decidiu sair da base do Governo Michel Temer (PMDB), mas os dois piauienses seguiram alinhados ao Governo Federal.

Fonte: GP1

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍTICA

Vereador denuncia Prefeito de Sussuapara por nepotismo

Membro da bancada de oposição o vereador José Pereira Neto, o Zezinho de Urbano (PPS), denunciou o prefeito de Sussuapara, Edvardo Antônio da Rocha, o Pé Trocado (PP), pela prática

POLÍTICA

Jales em Picos: Padre Walmir tem 43% e Gil Paraibano 36%

O Instituto Jales de pesquisa realizou nos dias 2 e 3 de setembro de 2016 uma pesquisa para avaliar as intenções de voto da população do município de Picos para

POLÍTICA

Gilberto Kassab terá encontro com deputados do PSD do Piauí

O presidente estadual do PSD, deputado Júlio César Lima, e os deputados estaduais da legenda irão se reunir, em Brasília, com o presidente nacional da sigla, Gilberto Kassab. Entre as

POLÍTICA

“Reajuste do salário mínimo vai melhorar a economia do Piauí”, diz Merlong

O secretário de Governo do Piauí, Merlong Solano (PT), avaliou que, apesar das críticas com relação ao salário mínimo de R$ 880, as consequências positivas serão maiores que as negativas.

POLÍTICA

Deputado Robert Rios pede fechamento da Assembleia Legislativa

O deputado estadual piauiense Robert Rios Magalhães (PDT) pediu nesta terça-feira (03), através de requerimento, o fechamento da Assembleia Legislativa do Estado do Piauí (Alepi) sob alegação de que a

POLÍTICA

Lula afirma a aliados que vai se candidatar em 2018

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva avalia que a Lava Jato causará impacto em “todos os partidos” e diz agora que o que chama de “exageros” da operação, somados