Acolhida e homenagens marcam a chegada do Pe. Gildo na paróquia de N. Sra. do Perpétuo Socorro de Fronteiras
Publicado por: | Data: 06/08/18

Acolhida e homenagens marcam a chegada do Pe. Gildo na paróquia de N. Sra. do Perpétuo Socorro de Fronteiras

Natural do município de Queimada Nova esta será a primeira experiência do padre Gildo Coelho a frente dos trabalhos pastorais de uma paróquia. Ontem (05), foi realizada a acolhida e missa de posse canônica do padre na paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, pertencente à Diocese de Picos que engloba as cidades de Fronteiras (Sede), São Julião e Vila Nova do Piauí.

Antes da realização da missa de posse canônica do Pe. Gildo Coelho, ele foi acolhido em algumas das comunidades que compõe a paróquia. No município de Vila Nova, os devotos de Santo Antônio realizaram uma grande acolhida para o pároco no VN Combustíveis. Também algumas autoridades políticas realizaram atos singelos de confiança e respeito pela chegada do padre. O prefeito municipal Edilson Brito (PTB) que estava participando da acolhida, realizou a entrega da chave da cidade, simbolizando a confiança no sacerdote pelos trabalhos pastorais que serão realizados no município.

Na ocasião, após a entrega da chave da cidade, o prefeito Edilson Brito saudou a todos os presentes e o Pe. Gildo Coelho. O gestor relata a felicidade de todos os católicos vilanovenses em receber o sacerdote na comunidade. “Nós te recebemos de coração aberto e felizes, tenho certeza que o senhor irá prestar um grande serviço a nossa comunidade, seja muito bem-vindo a Vila Nova”, explanou o prefeito.

No município de São Julião não foi diferente, o padre foi acolhido na comunidade Mandacaru na Igreja de São Francisco e na Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição. Em todas essas localidades o padre foi recepcionado com uma fervorosa acolhida, seguida de homenagens como adesivos no peito dos paroquianos e bandeirolas.

Depois da fervorosa acolhida no município de São Julião, o padre destaca que a partir deste momento está à disposição de todos os paroquianos e frisa que deseja caminhar junto com todos. “Com certeza, caminhar com vocês, será uma força maior. Agradeço de coração a acolhida, e brevemente, vamos nos encontrar com as pastorais para planejarmos nossa caminhada e para celebrarmos juntos”, falou o padre.

Na sede da paróquia, que é o município de Fronteiras, o padre passou pela comunidade de Cachoeirinha na Igreja de São Sebastião onde iniciou o processo de acolhida no município e depois se dirigiu para o centro da cidade, onde uma multidão o aguardava para recepcioná-lo, e posteriormente ser realizado o processo da missa de posse canônica. Assim como em Vila Nova, a prefeita municipal Maria José (MDB) realizou a entrega da chave da cidade, representando o sentimento de pertencimento ao município.

A prefeita saudou a toda comunidade cristã presente na posse canônica do padre Gildo Coelho. E disse que os fiéis almejam muito a união entre a igreja e o próprio povo de Deus e relatou o que deseja que o padre realize em Fronteiras. “Vamos firmar um elo forte, para que o nosso município seja cada vez mais agraciado por Deus com o sentimento da paz, união e prosperidade. Desejo que o senhor [padre] conduza o nosso povo como um bom pastor que é nos dando força, para que possamos chegar aos ensinamentos de Deus”, pediu a prefeita Maria José.

O Bispo Diocesano de Picos, Dom Plínio José Luz da Silva, presidiu a missa de posse canônica do Pe. Gildo Coelho. Em cada momento da missa realizou a entrega dos artefatos sacerdotais que serão utilizados pelo pároco ao decorrer de sua estadia e trabalhos pastorais na paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

“Estão recebendo no meio de vocês não um homem qualquer, mas um servidor de Deus, aquele que vai acompanhá-los apontando o caminho para o céu. Percebi na fisionomia de cada um, uma grande alegria, de quem recebe e acolhe um bom pastor”, falou o Bispo.

A equipe de jornalismo do Portal Cidades Na Net realizou a cobertura completa do processo de acolhida e posse canônica do Pe. Gildo Coelho, e o mesmo relata como está sendo primeiro contato com os paroquianos de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

“Estou muito feliz e contente, agradeço de modo especial a todas as paróquias que se fizeram presentes. A paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro me acolheu com muita alegria e vibração. Estou confiante com essa missão que a igreja me confiou. Agora juntamente com esta comunidade eu posso desenvolver o meu ofício de pároco, de cuidar do povo de Deus, e prosseguir os trabalhos paroquiais”, finalizou o padre.

Com essa nova jornada pela frente o padre Gildo Coelho, irá gerir aproximadamente 37 comunidades que compõe as 3 cidades que o sacerdote vai dar assistência diretamente.

Fotos acolhida em Vila Nova Igreja de Santo Antônio:

Fotos acolhida na Igreja de São Francisco de Assis Pov. Mandacaru:

Fotos acolhida na igreja de Nossa Senhora da Conceição em São Julião:

Fotos acolhida na capela de São Sebastião na comunidade de cachoeirinha:

Fotos acolhida na praça Getúlio Vargas em Fronteiras:

Fotos da missa de posse canônica do padre Gildo Coelho de Sousa:

 

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

Sem categoria

Ambulância que seguia para Picos capota na BR 230 e deixa uma pessoa morta

Um grave acidente com uma ambulância da cidade de Cajazeiras do Piauí, na manhã desta quinta-feira (09/04), deixou uma pessoa morta e outra ferida. A vítima fatal foi identificada como

DESTAQUES

Bebê morre após se engasgar com leite materno no Piauí

Um bebê de apenas dois meses de idade, identificado como Arthur Gabriel Alves Soares, morreu na noite desta segunda-feira (23) após se engasgar com o leite materno no município de

Picos

PICOS | Semam encerra Semana do Meio Ambiente com palestras e premiação de Concursos

Encerrou-se nesta quarta-feira (05) a Semana de Meio Ambiente, organizada pela Secretaria de Meio Ambiente. O evento iniciou no último do mingo (02), com um passeio ciclístico, e retornou ontem