Homem morre vítima descarga elétrica ao tentar religar energia de imóvel no PI
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 09/11/19

Homem morre vítima descarga elétrica ao tentar religar energia de imóvel no PI

Um homem identificado como Samuel Rodrigues Guedes, de 31 anos, morreu no final da tarde desta sexta-feira (08), por volta de 17h, após sofrer uma descarga elétrica em um poste, na Rua Boa Esperança, no bairro São João, zona leste de Teresina.

De acordo com o capitão Araújo, do 8° Batalhão da Polícia Militar, a vítima faleceu após tentar religar a energia de um imóvel por conta própria e sofrer um choque. “Populares informaram para a nossa guarnição que ele subiu no poste para fazer a religação clandestina e acabou levando um choque e caindo no chão”, contou o capitão.

Segundo o coronel Galvão, comandante do 5° BPM, após a queda, a vítima foi levada para a sua casa. “Um parente de Samuel é técnico de enfermagem e a família achou que ele poderia ser salvo, mas ele já chegou sem vida”, detalhou o capitão.

A perícia foi acionada, mas não conseguiu desenvolver o seu trabalho, devido o corpo de Samuel ter sido retirado do local da queda. O Instituto de Medicina Legal (IML) removeu o corpo da vítima.

Fonte: GP1

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

Curral Novo do Piauí

CURRAL NOVO | Secretaria de Educação promove II Jornada Pedagógica 2019

Na manhã desta segunda feira, (05), a Secretaria de Educação de Curral Novo do Piauí realizou a abertura da II Jornada Pedagógica 2019 com o tema “A construção de vínculos

Caldeirão Grande do Piauí

Prefeito Vianney visita quatro obras de infraestrutura urbana em Caldeirão Grande do Piauí

Na cidade de Caldeirão Grande do Piauí, a gestão do prefeito João Vianney de Sousa Alencar está investindo mais de R$ 1,6 milhões em obras de infraestrutura e urbanização, contemplando

Acauã

Foragido de presídio do PE, condenado por homicídio, é detido em Acauã

Um homem foragido da justiça do Pernambuco foi detido na tarde dessa segunda-feira (08/10) no município de Acauã, no Piauí, pela Polícia Militar. Ele cumpria pena de 15 anos de prisão por homicídio