Secretaria corrige óbito por Covid-19 de homem que morreu em acidente em Paulistana
Publicado por: | Data: 14/08/20

Secretaria corrige óbito por Covid-19 de homem que morreu em acidente em Paulistana

Após  o caso de um homem que morreu após um acidente e teve a morte registrada como Covid-19, a Secretaria de Saúde do Piauí fez a correção do caso. A exclusão foi divulgada na noite desta quinta-feira (13/09).

“Foi excluído do boletim desta quinta-feira um óbito da cidade de Paulistana, registrado ontem. O CIEVS revisou a causa mortis do paciente, que embora tenha positivado para Sars-Cov-19, faleceu em decorrência de traumatismo cranioencefálico. Com isso, o município segue sem nenhum óbito por Covid-19”.

Sobre o caso
A Prefeitura Municipal de Paulistana, por meio da Secretaria de Saúde informou, que o primeiro óbito por Covid-19 da cidade aconteceu na noite da última segunda-feira (10/08), em Teresina, no caso de um homem que estava internado após sofrer um acidente de moto.


Notícia Relacionada: PAULISTANA | Após sofrer grave acidente, homem testa positivo para a Covid e morre


Valdiron Osvaldo de Souza, de 33 anos, foi vítima de um grave acidente de moto que aconteceu no último sábado (08/08), nas proximidades da localidade Lagoa Velha, Data Jacaré, Zona Rural de Paulistana.

Ele foi socorrido e levado para o Hospital Regional Mariana Pires Ferreira, sendo transferido para Picos e em seguida para Teresina em decorrência da gravidade dos ferimentos.

No Hospital de Urgência Teresina, foi submetido ao teste rápido e o resultado foi positivo para Covid-19, vindo a óbito logo após, tendo como causas principais da morte acidente de tráfego com traumatismo cranioencefálico e como causa contribuinte a Sars-Cov-19.

“Lamentamos profundamente o ocorrido e aproveitamos para transmitir o nosso pesar à família que sofre com a perda de um ente querido”, informou a secretaria em nota.

População questiona
O caso gerou uma grande polêmica. Nas redes sociais da secretaria vários internautas se manifestaram sobre o caso.

“Não faz sentido colocar como o primeiro óbito por covid-19. O rapaz morreu em decorrência do acidente. A nota deveria apenas informar que, após teste rápido, ele testou positivo. Mas atestar como primeiro óbito, não. O Ministério da Saúde deveria ter algum tipo de protocolo nesses casos, porque é bastante confuso”, comentou uma mulher.

“Se a causa da morte foi traumatismo não existe coerência alguma com o Covid-19. O rapaz morreu com Covid-19 e não de Covid-19. As coisas devem ser consideradas como de fato são”, disse outro internauta.

Caso registrado no relatório estadual
Esse óbito também foi registrado, além do relatório do município, no estadual, que considerou a morte dele em decorrência do coronavírus nesta quarta-feira (12/08).

Fonte: 180 graus

sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES

Zé do Valério é preso no Piauí depois de quase três meses foragido

José Pereira da Costa, mais conhecido como Zé do Valério, foi preso na manhã desta sexta-feira, 12, em Buriti dos Montes, no Piauí. Ele é acusado de assassinar a estudante universitária

DESTAQUES

Em São Raimundo Nonato, homem vai avisar mãe sobre falecimento do irmão e acaba morrendo em acidente

Um homem morreu na manhã deste domingo (07/07) após sofrer um acidente de motocicleta no município de São Raimundo Nonato. Gilmar Pereira, de 55 anos, havia recebido a informação que

DESTAQUES

No Piauí, regiões com maior risco epidemiológico para contaminação da Covid-19 possuem menor capacidade de atendimento

O relatório epidemiológico divulgado nesta quarta-feira (15) pelo Comitê de Operações Emergenciais (COE) do Governo do Estado mostra que o Piauí ainda possui dois territórios assistenciais com risco epidemiológico alto