Simões realiza ações de combate ao abuso e à exploração sexual infantil
Publicado por: Cleilson Silva Almeida | Data: 19/05/16
Comments 0

Simões realiza ações de combate ao abuso e à exploração sexual infantil

Nesta terça feira, 18 de maio  Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual Infantil, a Secretaria  de Assistência Social e Cidadania do município de Simões, as equipe do Centro de Referencia de Assistência Social, Serviço de Convivência e Fortalecimento Vínculos e usuários, alunos das escolas estaduais e municipais, juntamente com o Conselho Tutelar, realizaram uma grande mobilização com panfletagem por todas as ruas e bairros da cidade.

As escolas dos povoados Maria Preta, Curralinho, Serra dos Claudios e Monte Santo também se mobilizaram nos povoados e, dessa forma, conseguiram estabelecer um conjunto de ações articuladas no que diz respeito ao enfrentamento da violência sexual contra crianças e adolescentes no município.

Nas duas semanas que antecederam o dia 18 de maio, dia que ficou instituído como o dia Nacional de Combate à Violência Infantojuvenil, as escolas da zona rural e urbana trabalharam o tema em sala de aula e a equipe técnica de assistentes sociais, psicólogo e coordenadores do CRAS, em parceria com o Conselho Tutelar.

A equipe visitou todas as escolas, onde foram realizadas palestras para as famílias sobre a importância protetiva da família em relação à proteção dos direitos sexuais das nossas crianças e adolescentes e suas causas e danos na vida futura vítima, entre outras questões que também foram abordadas.

O município de Simões organiza e promove atos de mobilização social e política na perspectiva de avançar no processo de conscientização da população sobre a gravidade da violência sexual. A intenção é estimular e encorajar as pessoas a denunciarem situações de violência sexual, bem como, criar possibilidades e incentivos para implantação de ações de políticas públicas capazes de fazer o enfrentamento ao fenômeno, no âmbito do combate à impunidade e de proteção e promoção às pessoas em situação de vítimas ou vitimização.

“O propósito da campanha é promover debates sobre a responsabilização para os casos de crimes e violências sexuais pautados na reafirmação de paradigmas de direitos humanos de crianças e adolescentes. Mecanismos que vão desde o aperfeiçoamento das Leis à criação de estruturas e serviços especializados capazes de formar uma rede de enfrentamento à violência sexual, efetiva e prioritária, no combate à impunidade”, disse Edilene Pereira, primeira dama e a secretária de Assistência Social.

Veja imagens:

WhatsApp-Image-20160518 (1) WhatsApp-Image-20160518 (2) WhatsApp-Image-20160518 (3) WhatsApp-Image-20160518 (4) WhatsApp-Image-20160518 (5) WhatsApp-Image-20160518 (6) WhatsApp-Image-20160518 (7) WhatsApp-Image-20160518 (8) WhatsApp-Image-20160518 (9) WhatsApp-Image-20160518 (10) WhatsApp-Image-20160518 (11) WhatsApp-Image-20160518 (12) WhatsApp-Image-20160518 (13) WhatsApp-Image-20160518 (14) WhatsApp-Image-20160518 (15) WhatsApp-Image-20160518 (16) WhatsApp-Image-20160518 (17) WhatsApp-Image-20160518 (18) WhatsApp-Image-20160518 (19) WhatsApp-Image-20160518 (20) WhatsApp-Image-20160518 (21) WhatsApp-Image-20160518 (22) WhatsApp-Image-20160518 (23) WhatsApp-Image-20160518 (24) WhatsApp-Image-20160518WhatsApp-Image-20160518 (27)WhatsApp-Image-20160518 (28)

sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

NOTÍCIA DESTAQUE

Casal é executado com tiro na cabeça enquanto dormiam no Piauí

O casal identificado como Thales Bruno Sousa de Araujo e Janiele Soares Castelo Branco, foram assassinados com tiros na cabeça. Os corpos foram encontrados nesta quinta-feira (30/08), no quintal de uma

NOTÍCIA DESTAQUE

Católicos de Vera Mendes celebram a festa de São Sebastião; fotos

A comunidade católica de  Vera Mendes,  se reuniu  na noite desta segunda-feira, 20,  para celebrar a Missa Solene da festa de São Sebastião, santo padroeiro,  uma tradição religiosa que se

Sem categoria 0 Comments

Maioria da bancada do Piauí agora é pró-impeachment

O jogo parece ter virado no caso da bancada do Piauí. Se antes existiam a certeza de que a maioria dos dez deputados federais piauienses votariam contra o processo que