Caixa abrirá 2.213 agências para saque do auxílio de R$ 600 no sábado; veja calendário de pagamento
Publicado por: | Data: 28/05/20

Caixa abrirá 2.213 agências para saque do auxílio de R$ 600 no sábado; veja calendário de pagamento

O saque da segunda parcela do auxílio emergencial será liberado a partir de sábado (30/05) para os trabalhadores que foram aprovados para receber os R$ 600 durante a pandemia do novo coronavírus, mas não são do Bolsa Família. Por isso, a Caixa Econômica Federal (CEF) informou que vai abrir 2.213 agências, das 8h às 12h, no próximo sábado (30/05).

“No sábado, começamos o saque em dinheiro para quem já recebeu nas contas digitais. Teremos 2.213 agências abertas, das 8h às 12h, para dar atendimento a essa parcela da população”, informou nesta terça-feira a vice-presidente de governo da Caixa, Tatiana Thomé.

A lista completa das agências que vão fazer o pagamento do auxílio emergencial no sábado ainda será divulgada pelo banco. Mas a instituição garantiu que o número e a localização das agências foram definidos de acordo com a demanda esperada, para evitar filas e aglomerações.

Essas 2.213 unidades representam mais da metade da rede de agências bancárias da Caixa, que conta com 4,1 mil unidades. E representarão, sobretudo, aquelas agências que já costumam fazer a maior parte dos pagamentos dos programas sociais do governo. Além disso, para sábado está previsto o pagamento dos R$ 600 para no máximo 2,6 milhões de pessoas. Um volume, portanto, bem menor que os mais de 7 milhões de saques diários realizados no início do programa.

Neste sábado, será liberado o saque da segunda parcela do auxílio emergencial apenas para aqueles trabalhadores que não são do Bolsa Família e nasceram em janeiro. Só na segunda-feira (01/06) será a vez de os trabalhadores nascidos em fevereiro terem acesso ao saque. E assim por diante. Esse calendário de pagamentos vai até 13 de junho e vai atender todos os 30,5 milhões de trabalhadores que foram aprovados para receber o auxílio emergencial ainda em abril através do aplicativo do programa ou do CadÚnico. Os demais beneficiários, que são do Bolsa Família, já estão fazendo o saque da segunda parcela e terminarão de receber o auxílio até sexta-feira (29/05).

A Caixa acredita, contudo, que nem todo esse pessoal vai recorrer ao saque em espécie. Afinal, esses trabalhadores já receberam a segunda parcela dos R$ 600 na poupança social da Caixa e, por isso, já estão movimentando esses recurso de forma remota pelo aplicativo Caixa Tem.

E o banco garante que essa possibilidade de uso está cada vez mais popular. Nesta terça-feira, por exemplo, foram realizados 172,5 mil saques, no total de R$ 112 milhões, nas agências e casas lotéricas. Já as transações virtuais registradas pelo aplicativo chegaram a 1,9 milhão, totalizando R$ 639 milhões. Segundo a Caixa, a maior parte dessas operações diz respeito ao pagamento de contas: 1,1 milhão, no total de R$ 309 milhões. Já o restante das operações registradas veio do cartão de débito virtual do Caixa Tem, que hoje é aceito em mais de mil sites e em breve também deve ser aceito nas maquininhas de cartão das lojas físicas.

Veja o calendário dos saques físicos:

30 de maio (sábado): nascidos em janeiro

1º de junho (segunda-feira): nascidos em fevereiro

2 de junho (terça-feira): nascidos em março

3 de junho (quarta-feira): nascidos em abril

4 de junho (quinta-feira): nascidos em maio

5 de junho (sexta-feira): nascidos em junho

6 de junho (sábado): nascidos em julho

8 de junho (segunda-feira): nascidos em agosto

9 de junho (terça-feira): nascidos em setembro

10 de junho (quarta-feira): nascidos em outubro

12 de junho (sexta-feira): nascidos em novembro

13 de junho (sábado): nascidos em dezembro

Fonte: Correio Braziliense

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

GERAL

Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira prêmio de R$ 23 milhões

O concurso 2.086 da Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (10) o prêmio de R$ 23 milhões, que será realizado a partir das 20h (horário de Brasília) no Caminhão da Sorte, estacionado

GERAL

Revisão tarifária extra para distribuidoras de energia é inevitável, diz Aneel

O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), Romeu Rufino, disse nesta segunda-feira que será inevitável a revisão extraordinária de tarifas para algumas distribuidoras de energia, por conta do

Farol baixo: PRF suspende aplicação de multas após decisão judicial

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) decidiu suspender a aplicação das multas a condutores flagrados trafegando em rodovias com o farol baixo desligado. Com essa decisão, a PRF executa a liminar