Cão que ficou cego tem alta e precisa de material para curativo e brinquedos
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 04/07/20

Cão que ficou cego tem alta e precisa de material para curativo e brinquedos

O cãozinho que comoveu as redes sociais após tentarem arrancar seus olhos na cidade de Luzilândia, no interior do Piauí, teve alta e foi levado a um abrigo em Teresina enquanto se recupera para voltar para casa. Duck teve os olhos mutilados e ficou cego após sair da residência onda mora com seu donos. O crime de maus-tratos está sendo investigado pela Polícia Civil do Piauí.

“Duck teve alta do HVU. Infelizmente não enxergará mais. Ficará dez dias sob os nossos cuidados. Após retirada de pontos e reavaliação retornará para Luzilândia. A família do Duck cuida muito bem dele, mas por um descuido saiu e voltou assim. Tenho certeza que a mãezinha dele não deixará faltar amor pra esse BB manhoso”, postou o abrigo Lar do Nando, ONG que cuida de animais resgatados em Teresina.

Ao Bicharada, Nando disse que o cãozinho se recupera bem, precisa de material para curativo nos olhos e também está disponível para receber brinquedos. Apesar do bom quadro de saúde, Duck ficou traumatizado com a agressão e faz xixi sempre que está com medo.

“Ele está se recuperando. Era pra ser um animal revoltado por toda a dor que passou, mas é um bebezinho muito bonzinho, e balança o rabo quando escuta alguém. Atualmente, ele precisa de material de curativo para limpeza dos olhos como esparadrapos, gazes, algodão. Ele também está disponível pra receber presentes tipo caminhas, brinquedos e outros mimos.Tenho certeza que vai amar voltar pra cidade dele cheio de recebidos. Esperamos que justiça seja feita!”, disse Nando.

O Lar do Nando fica na região da Santa Maria da Codipi e atualmente cuida de 147 cães e 32 gatos. Doações para ajudar Duck e demais animais podem ser feitas por meio do contato 86 99502 0743 ou através das seguintes contas bancárias:

sobre o autor

Josely Carvalho
Josely Carvalho 11171 posts

Jornalista e Relações Públicas, formada pela Universidade Estadual do Piauí.

POSTS RELACIONADOS

GERAL

Jogador picoense que atua pelo Flamengo-RJ é vítima de racismo; assista ao vídeo

Jogador piauiense natural de Picos, município a cerca de 320 km da capital Teresina, sofreu atos de racismo em partida entre Flamengo e Athlético no ultimo domingo, na Arena da

Padre Marcos

PADRE MARCOS | Queda na arrecadação preocupa gestor e município pode não conseguir cumprir folha de pagamento

A queda da atividade econômica, causada pela pandemia do novo coronavírus (Covid-19), vem comprometendo a receita de estados e municípios, que já sentem os impactos negativos. No município de Padre

MP vai acompanhar ações de combate ao mosquito em Fronteiras e Alegrete

O Ministério Público Estadual vai acompanhar as ações de combate ao mosquito da dengue nos municípios de Alegrete do Piauí e Fronteiras, após portarias baixadas pelo promotor Edgar dos Santos