Presos devem custear a própria tornozeleira eletrônica no Piauí
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 10/01/18

Presos devem custear a própria tornozeleira eletrônica no Piauí

O projeto de Lei do deputado Firmino Paulo, que determina que os apenados devem custear a manutenção das tornozeleiras eletrônicas, quando estiverem sobre regime semiaberto foi aprovado na Assembleia Legislativa do Piauí, a informação foi divulgada no dia 02 deste mês.

A iniciativa pretende reduzir os crimes protagonizados por detentos, que estão cumprindo pena nesse regime, e que eles sejam impedidos de entrar em locais a eles proibidos ou deixar o perímetro permitido.

“Com o rastreamento as informações de deslocamento vão ser instantâneas, limitando comportamentos e prevenindo contravenções. Essa ideia passa ainda pela redução de custo aos cofres públicos”, enfatizou o deputado Firmino Paulo.

Assim, o rastreamento eletrônico deve ser feito por meio de bracelete, tornozeleira ou chip inserido na pele, de acordo com a disponibilidade do sistema prisional. O apenado deve pagar pela compra do seu equipamento e custear a manutenção do mesmo.

Fonte: Vi Agora | Foto: reprodução

sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

GERAL

Ambulância colide em vaca na BR-316, animal morre e é roubado

Uma ambulância do município de Uruçuí, a 480 quilômetros de Teresina, se envolveu em um grave acidente após colidir com uma vaca na BR-316, próximo ao posto da Polícia Rodoviária

GERAL

Engavetamento entre ônibus, carro e dois caminhões deixa uma pessoa ferida na BR-316

O motorista de um caminhão ficou ferido às 8h20 da manhã desta terça-feira (28) após uma colisão envolvendo um ônibus, um carro e dois caminhões no KM 5 da BR-316,

GERAL

Empresas que investem em inovação veem perdas com cortes em universidades

Entidades que representam empresas inovadoras veem risco de perda de competitividade com os cortes no orçamento das universidades federais e os congelamentos de bolsas de estudo anunciados pelo governo. Na