Casal é preso após furtar motocicleta em Campo Grande do Piauí
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 09/07/19

Casal é preso após furtar motocicleta em Campo Grande do Piauí

Em uma ação conjunta, policias dos GPMs de Campo Grande do Piauí e Alegrete do Piauí, conseguiram efetuar na noite do último domingo (07), a prisão de um casal suspeito de furtar uma motocicleta.

A vítima, identificada apenas como Daniel, informou ao GPM de Campo Grande, que sua motocicleta havia sido furtada quando estava estacionada nas proximidades da casa lotérica, no Centro da cidade. Após verificação as imagens de câmeras de segurança do entorno, foi constatado que os suspeitos se tratavam de um homem e uma mulher.

Realizando diligências, os policiais conseguiram localizar os suspeitos em uma residência na cidade de Belém do Piauí. A motocicleta furtada estava escondida no quintal da casa. Os suspeitos foram identificados como Edmilson Francisco de Oliveira, conhecido como Milson do 87 e sua esposa, Genilda Oliveira.

Participaram da ação os Cabos R.Silva e Manoel Batista,  e Cabo Osmaildo e Soldados Maelson, do GPM de Alegrete do Piauí.

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

NOTÍCIA DESTAQUE

Mães recorrem ao Ministério Público do PI para garantir educação inclusiva a filhos autistas

“Não temos vagas”. “Ele não vai se adaptar”. “É melhor um colégio especial”. São estas as frases mais ouvidas por famílias de crianças diagnosticadas como Transtorno de Espectro Autista (TEA) 

NOTÍCIA DESTAQUE

Novos agentes penitenciários devem ser convocados ainda esse ano

O sistema carcerário do Piauí deve ganhar 43 novos agentes penitenciários até o final desse ano. A afirmação é do secretário de Justiça do Estado Carlos Edilson que, em entrevista ao O DIA, afirmou

NOTÍCIA DESTAQUE

Sefaz prevê queda no FPE em 51% e deixa Piauí em alerta, diz secretário

O secretário de Fazenda, Antônio Luiz, participou de audiência na Assembleia Legislativa do Estado na manhã desta quinta-feira (12). Ele levou dados sobre as finanças do Estado e alertou para