Prefeitura de Campo Grande esclarece sobre compra de testes rápidos para o município
Publicado por: Jaqueline Figueredo | Data: 02/07/20

Prefeitura de Campo Grande esclarece sobre compra de testes rápidos para o município

A Prefeitura Municipal de Campo Grande do Piauí, através da Secretaria de Saúde, emitiu, na tarde desta quinta-feira (02), uma Nota de Esclarecimento ao Público sobre a compra de testes rápidos para identificação do coronavírus.

O ex-secretário de Saúde de Campo Grande, Wilson Marcelo de Sousa, responsável pelas compras dos testes rápidos para o município, informou ao Cidadesnanet que, embora a empresa provedora dos testes esteja sendo alvo de investigação pela Polícia Federal, a gestão agiu de forma idônea e responsável na transação.

“Considerando nosso compromisso junto ao povo e nossa total transparência para com a prestação de contas ao povo de campo Grande do Piauí, queremos deixar claro que nós trabalhamos com responsabilidade e que qualquer feito de nossa gestão relativo à compra de materiais, está no Portal da Transparência, onde todos podem ter acesso, a qualquer momento, das transações que realizamos com as verbas públicas”, disse o ex-secretário.

Wilson Marcelo frisou ainda que foram investidos na compra de testes rápidos R$ 22.500 (vinte dois mil e quinhentos reais).

“Nós fizemos essa compra analisando o valor de mercado e qualidade do produto. Não há nenhuma ilegalidade na nossa compra junto à empresa que nos forneceu o material. Vale frisar que essa investigação pela qual ela está passando é referente a problemas de documentação dela própria e não a superfaturamento que comprometam a responsabilidade do município”, destacou.

A secretaria de Saúde de Campo Grande do Piauí emitiu a seguinte nota:

A prefeitura de Campo Grande do Piauí adquiriu testes do COVID-19 em um valor total de apenas R$ 22.500,00, e o fez observando os princípios da qualidade e preço de mercado. A empresa fornecedora está sendo investigada por questões relacionadas aos documentos supostamente inidôneos, e não por superfaturamento, não havendo qualquer indicação de ilegalidade por parte do Município. Além disso, os testes foram adquiridos, recebidos e usados de acordo com os protocolos científicos. Naquilo que couber à Administração, forneceremos todas as informações e documentos necessários para o esclarecimento dos fatos.

O Cidadesnanet também entrou em contato com o atual secretário de Saúde, Edson Oscar. Ele afirmou que, caso seja necessário, a gestão está disponível para fornecer todos os documentos e informações necessárias quanto ao processo de compra do material utilizado na prevenção e combate ao coronavírus.

Segue abaixo o link para confirmação de dados do município no Portal da Transparência:
http://www.transparencia.appm.org.br/campograndedopiaui/receitas/

 

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES

Prefeito Baiá anuncia atrações da festa do aniversário de Campo Grande do Piauí

Campo Grande do Piauí completa, neste mês de janeiro, 25 anos de emancipado. E para comemorar a mais importante data do calendário municipal e os tempos de progresso por que

Campo Grande do PI 0 Comments

Educação promove a cultura com festas juninas em Campo Grande do Piauí; veja fotos

Fotos: Jota Ferreira. Com o objetivo de preservar e manter viva entre os alunos e as novas gerações uma das principais manifestações da cultura popular nordestina, a Secretaria de Educação

DESTAQUES 0 Comments

Cocajupi realiza revitalização de pomares de caju em Jaicós e outros 7 municípios da região de Picos

A Central de Cooperativas de Cajucultores do Estado do Piauí (Cocajupi) está promovendo a revitalização dos pomares de caju em oito municípios da macrorregião de Picos. A ação contabiliza 381