PF fará operação para combater crimes políticos em Paulistana e outras cidades do Piauí
Publicado por: | Data: 09/11/20

PF fará operação para combater crimes políticos em Paulistana e outras cidades do Piauí

Equipes da Polícia Federal devem se deslocar nas próximas horas para várias cidades do interior do Piauí, de onde estão partindo várias denúncias de crimes eleitorais que estariam sendo cometidos por candidatos, seus apoiadores e correligionários. A ordem é combater esses crimes com rigor.

A ordem para investigações é da Justiça Eleitoral a pedido do Ministério Público. A lista de cidades a serem “visitadas” por delegados e agentes da PF ainda não está fechada. Mas entre elas estão Parnaíba,  Piripiri, Esperantina, Barras, Água Branca, Floriano, Picos, São Raimundo Nonato, Bom Jesus do Gurguéia, Paulistana e Corrente.

A informação foi confirmada neste domingo por um membro do Tribunal Regional Eleitoral – TRE, que pediu reserva do nome. Segundo a fonte, além da PF outras forças serão chamadas para garantir a segurança e a lisura das eleições municipais no próximo domingo, dia 15 de novembro.

O Tribunal Regional Eleitoral está abarrotado de denúncias e processos que poderão acabar em cassação de candidatos eleitos. O presidente do TRE, desembargador José James Gomes Pereira, garante que todas as denúncias serão apuradas e os autores dos crimes serão punidos.

Fonte: Piauí Hoje

sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES 0 Comments

Idoso morre após ser esfaqueado no interior de Vila Nova

Aérea de Vila Nova/foto equipe R & R Um idoso identificado por Antônio Paulino Carolino, de 74 anos foi assassinado na tarde dessa sexta-feira (25), na localidade São José, zona

DESTAQUES

PAULISTANA | Caravana oposicionista promove Seminários, critica governo e apresenta ideias

A cidade de Paulistana, situada a 460 km de Teresina, foi a escolhida na região Chapada Vale do Rio Itaim para sediar o Seminário “O Piauí pode dar certo: ideias

POLÍCIA

Carga de cigarro avaliada em R$ 200 mil é apreendida no Piauí; quatro foram presos

Quatro suspeitos foram presos e um carregamento de cigarros contrabandeados apreendido pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco). A carga tem valor aproximado de R$ 200 mil. As prisões