Campanha do Desarmamento recolheu quase 650 mil armas em dez anos
Publicado por: Marcos Rangel | Data: 15/03/14
Comments 0

Campanha do Desarmamento recolheu quase 650 mil armas em dez anos

Balanço divulgado ontem (14) pela Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp), vinculada ao Ministério da Justiça, mostra que a Campanha do Desarmamento recolheu 649.250 armas nos últimos dez anos, de acordo com registros até o último dia 9.

O balanço não discrimina, porém, a distribuição territorial dos recolhimentos nos anos anteriores. Mostra números por estado apenas deste ano. O estado com o maior número de armas devolvidas foi São Paulo (1.116), seguido de Pernambuco (501) e Rio Grande do Sul (288). O revólver foi o armamento mais devolvido (1.288). Depois, vêm espingarda (554) e carabina (166).

Roraima foi o estado com menos armamentos devolvidos no período, apenas três, enquanto Tocantins, Acre e Alagoas entregaram sete armas, cada.

O cidadão que quiser entregar armas ou munições, pode se dirigir a um dos 2.127 postos de recolhimento distribuídos pelo país. Os postos funcionam em 1.115 delegacias de Polícia Civil, 744 batalhões da Polícia Militar, 127 pontos da Polícia Federal, 64 da Polícia Rodoviária Federal, 48 da Guarda Municipal, cinco do Corpo de Bombeiros e 24 da sociedade civil.

 

FONTE: Agência Brasil

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍCIA

Assessora de vereadora é agredida com socos e vomita sangue no Piauí

Uma mulher identificada como Marias das Graças, conhecida como “Gracinha”, que trabalha como assessora da vereadora de José de Freitas, Andreia Ferreira, foi agredida e assaltada no fim da tarde

POLÍCIA

Dono de vários empreendimentos é preso no Piauí por não pagar pensão; defesa nega dívida

A Secretaria de Segurança do Estado do Piauí, por meio da Divisão de Capturas (Dicap), prendeu o empresário Francisco das Chagas Pereira Lima, o Franly, por atrasar 28 meses de

POLÍCIA

Estudante de Direito é preso suspeito de vender iPhones roubados

Um estudante de Direito foi preso suspeito de integrar uma organização criminosa especializada no furto, roubo, desbloqueio e revenda de iPhones. Segundo o delegado Matheus Zanatta, a quadrilha agia roubando