Deputada Teresa Britto denuncia desigualdade salarial na Uespi
Publicado por: Willians Sousa | Data: 07/03/20

Deputada Teresa Britto denuncia desigualdade salarial na Uespi

A deputada Teresa Britto (PV) denunciou, nesta quinta-feira (05), a desigualdade nos valores das gratificações pagas a diretores na Universidade Estadual do Piauí (Uespi), afirmando que deverá denunciar o caso ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas do Estado. A oradora disse que os apadrinhados do governador Wellington Dias recebem as gratificações de maior valor.

Teresa Britto iniciou seu pronunciamento dizendo que vai apresentar requerimento pedindo que o secretário estadual de Administração, Merlong Solano, preste informações à Assembleia Legislativa se está em funcionamento uma comissão anunciada pelo governador do Estado visando tratar sobre o autonomia financeira da Uespi.

Em seguida, a parlamentar do Partido Verde disse que o jornalista Rômulo Rocha, do Portal 180 Graus, denunciou que, enquanto a diretora do Instituto Antonino Freire, Lucile de Sousa Moura, tem uma gratificação de R$ 6 mil e mais um valor eventual que chega a R$ 3 mil, totalizando R$ 9 mil, o diretor do Campus Clóvis Moura, Renê Aquino, recebe R$ 1,5 mil de gratificação e zero real de eventual.

“Isso é uma indecência e uma imoralidade”, denunciou Teresa Britto, assinalando que outro servidor, Damião de Cosme de Carvalho Rocha, recebe R$ 3,8 mil de gratificação e mais R$ 3,345 mil de eventual.

Antes de seu pronunciamento, a deputada falou no tempo de 2 minutos para pequenos avisos, quando colocou as questões relacionadas ao Hospital Regional de Parnaíba, que tem nova direção. A parlamentar disse que esteve com a direção do hospital e ficou sabendo que o principal problema lá é a superlotação, uma vez que a unidade atende a pacientes de vários municípios do litoral.

Por: J. Barros/Raimundo Cazé – Edição: Katya D’Angelles


sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

POLÍTICA

João Mádison diz que MDB vai tratar de cargos após a reforma

O deputado estadual João Mádison Nogueira (MDB), disse durante entrevista ao GP1 nesta terça-feira (05), que o MDB espera ter tratamento igual aos demais partidos no momento que o partido

POLÍTICA

Decisão do STF reafirma autonomia dos Municípios para contratarem escritórios de advocacia

O Supremo Tribunal Federal (STF) negou recurso interposto pelo Ministério Público do Estado do Mato Grosso do Sul, que pedia o reexame de ação civil pública que tratava sobre a

POLÍTICA

Parlamentares protocolam pedido de exoneração de Moro do Ministério da Justiça

Os deputados Gervásio Maia (PB), Marcelo Nilo (BA), Bira do Pindaré (MA) e Lídice da Mata (BA), todos do PSB, alegam que Moro cometeu grave desvio ético e legal, não