Governo Federal estuda programa de microcrédito para quem recebe Bolsa Família
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 19/07/17

Governo Federal estuda programa de microcrédito para quem recebe Bolsa Família

O ministro do Desenvolvimento Social, Osmar Terra, afirmou, nesta terça-feira (18), que a pasta está terminando a formulação de um programa que deve se chamar “progredir”, com o intuito de estimular a microeconomia no Brasil.

Osmar Terra declarou que, o programa, voltado para a inclusão das famílias do Bolsa Família no mercado de trabalho, pode ter até R$ 3 bilhões graças à autorização do uso de 2% dos de recursos dos depósitos compulsórios que os bancos fazem no Banco Central.

“A expectativa é que ajude 1 milhão de famílias”, disse o ministro, destacando que é preciso que eles tenham uma proposta de trabalho feito em parceria com o Sebrae para verificar a viabilidade do microempreendimento.

O ministro conversou com o presidente da República, Michel Temer, mas não deu a expectativa se vai conseguir apresentar o programa fechado ainda durante o recesso. Segundo ele, a pasta está acelerando os tramites, mas é preciso estar tudo alinhado para que ele não só seja lançado, mas “também funcione”.

Cidade Verde

sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

NOTÍCIA DESTAQUE

Prefeitura de Santo Antônio de Lisboa encerra amanhã concurso com 38 vagas

A Prefeitura Municipal de Santo Antônio Lisboa – PI, encerra neste domingo (11/1), as inscrições do Concurso Público 001/2014, cujo objetivo é o provimento total de 38 vagas, sendo que

NOTÍCIA DESTAQUE

Homem morre e outro perde a perna em acidente com motocicletas no Piauí

Um grave acidente na PI 215, que liga as cidades de Campo Maior e Coivaras, próximo ao povoado Pau Arrastado, resultou na morte de um homem e deixou outro gravemente

NOTÍCIA DESTAQUE

IBGE revela que o Piauí tem a pior cobertura de esgotamento sanitário do país

Pesquisa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelou que o Piauí tem a pior cobertura de esgotamento sanitário do país. Especialistas alertam que a situação aumenta significativamente o