Governo lança concurso para a Polícia Civil em abril
Publicado por: Danilo Bezerra | Data: 19/03/14
Comments 0

Governo lança concurso para a Polícia Civil em abril

O edital para o concurso da Polícia Civil já foi elaborado pelo Núcleo de Concursos e Promoção de Eventos (Nucepe), e está dependendo apenas do aval da Procuradoria Geral do Estado(PGE) para ser publicado. A expectativa é o concurso seja lançado ainda no mês de abril.

“A PGE está analisando todo o edital para verificar se está dentro das normas legais da administração pública. O intuito é garantir a segurança jurídica do concurso que se aproxima”, pontua Jorge Martins Filho, presidente do Nucepe. Segundo ele, até o início do mês de abril, o edital deve ser lançado.

Caso não ocorra nenhuma modificação, serão ofertadas 40 vagas, sendo 20 para delegado e 20 para escrivão. Todas as vagas destinadas ao interior do estado.

A remuneração inicial para escrivão é de R$ 3.194,35 e para delegado de R$ 10.914,54.

Apesar das vagas, a Secretaria Estadual da Segurança Pública, afirmou que é possível que sejam convocados até o triplo dos candidatos aprovados dentro das vagas. No último concurso realizado em 2012, foi convocada toda a lista dos classificáveis.

 

 

Fonte: Portal AZ

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

GERAL

H1N1: infectologista explica quais sintomas da gripe devem despertar alerta

Como toda gripe, o tipo H1N1 começa com sintomas clássicos como coriza, febre e moleza. Isso acaba por agilizar uma busca por atendimento médico. Porém, a doença possui outras características

CRM denuncia ao MP enfermeiros por prescreverem medicamentos no Piauí

Enfermeiros do município de Itaueira, a 344 km de Teresina, estariam exercendo ilegalmente a medicina. A denúncia foi encaminhada ao Conselho Regional de Medicina do Piauí (CRM-PI) que solicitou investigação

GERAL

Muncípios com até 60 mil habitantes poderão deixar de pagar energia de escolas e hospitais

Os municípios com até 60 mil habitantes poderão ser isentos das tarifas de energia elétrica para escolas, postos de saúde e hospitais. É que está em análise na Câmara dos