Empréstimo de R$ 315 milhões para o PI ainda não foi liberado; Caixa devolveu prestação de contas
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 13/03/18

Empréstimo de R$ 315 milhões para o PI ainda não foi liberado; Caixa devolveu prestação de contas

A Caixa Econômica Federal emperrou a liberação de R$ 315 milhões solicitados pelo Piauí devido problemas na prestação para justificar a utilização do recurso. O empréstimo havia sido anunciado pelo presidente da instituição, Gilberto Occhi, em visita realizada ao estado no dia 28 do último mês.

Segundo o governador do Estado, Wellington Dias (PT), a documentação foi enviada dentro do prazo estipulado: 28 de fevereiro. Mesmo seguindo os trâmites do processo o executivo estadual teve a prestação de contas devolvida.

Governador Wellington Dias durante o Encontro dos Governadores, realizado semana passada em Teresina (Foto: Wilson Nanaia)
Governador Wellington Dias durante o Encontro dos Governadores, realizado semana passada em Teresina (Foto: Wilson Nanaia)

O fato causou estranheza da oposição, que na sessão desta segunda-feira (12) da Assembleia Legislativa acusou o Governo de realizar manobra para esconder a prestação de contas da operação de créditos, que seria destinada para a realização e conclusão de obras em todo o estado. “O governo anulou empenhos de obras realizadas com recursos de outras fontes para que as mesmas constassem como feitas com os recursos do empréstimo, embora tivessem sido licitadas e executadas antes da contratação”, denunciou Robert Rios (PDT).

Um dos líderes da oposição na Alepi, deputado Robert Rios (Foto: Divulgação)
Um dos líderes da oposição na Alepi, deputado Robert Rios (Foto: Divulgação)

De acordo com o deputado estadual Gustavo Neiva (PSB), durante entrevista na tarde de hoje, foi o Estado quem solicitou a devolução da prestação de contas com o objetivo de esconder irregularidades. “Quando nós chegamos hoje à Assembleia Legislativa nós fomos pegos de surpresa porque o Estado fez foi retirar a prestação de contas lá da Caixa Econômica”, afirmou.

Gustavo Neiva (Foto: Divulgação/Alepi)
Gustavo Neiva (Foto: Divulgação/Alepi)

Wellington Dias (PT) negou; segundo ele a devolução foi uma exigência da Caixa Econômica. “Nós iremos estar seguindo aquilo que a Caixa Econômica exigiu”, acrescentou  o governador também em entrevista concedida hoje a uma emissora local.

Ainda segundo Neiva a Caixa negou pedido de acesso à prestação de contas do Estado, feito por deputados da oposição.

“Nós deputados solicitamos através de oficio o acesso dessa prestação de contas e Caixa nos negou acesso à documentação, o que nos levou a acionar a Justiça Federal, para termos acesso a essa prestação de contas”, concluiu ele.

Mesmo diante do problema o governo ainda aguarda a liberação dos recursos.

Fonte: Portal Az

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES 0 Comments

Católicos mantém a tradição de celebrar a festa religiosa do Morro dos Três Irmãos em Jaicós

Na manhã desta terça-feira, dia 3 de maio, fiéis católicos enfrentaram a íngreme subida do Morro dos Três Irmãos, situado na zona rural do município de Jaicós, distante cerca de

DESTAQUES

Em Jaicós, prefeito reúne equipe da Saúde, anuncia nova secretária e fala sobre investimentos na área

O prefeito Ogilvan da Silva Oliveira, o Neném de Edite (PSD), realizou na manhã desta quarta-feira (30) uma reunião com toda a equipe que atua na área da Saúde no

DESTAQUES

PT fará caravana no Piauí pedindo a soltura do ex-presidente Lula

A militância do Partido dos Trabalhadores do Piauí irá promover nesta sexta e sábado, a Caravana Lula Livre Piauí, que percorrerá 12 municípios do Médio Parnaíba. A comitiva irá se