Deputado Severo Eulálio destina R$ 100 mil para a UESPI
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 12/02/18

Deputado Severo Eulálio destina R$ 100 mil para a UESPI

O deputado estadual Severo Eulálio (MDB) garantiu apoio financeiro, no valor de R$ 100 mil, para a compra de equipamentos visando melhor estruturar os cursos de saúde da Universidade Estadual, campus de Picos. A quantia será destinada através de emenda impositiva, e deve ser liberada até o mês de julho deste ano.

Severo assegurou a destinação do investimento na última sexta-feira (09) em reunião com o reitor da UESPI, Nouga Cardoso, e o vice-reitor da instituição, Evando Alberto. O encontro aconteceu no Palácio Pirajá, Campus Torquato Neto (zona Norte).

Deputado Severo Eulálio (Foto: Divulgação)
Deputado Severo Eulálio (Foto: Divulgação)

O benefício foi anunciado pelo vice-reitor da UESPI, por meio de postagem no Facebook, depois da reunião. No anunciou ele agradeceu a Severo e a outros parlamentares que já destinaram verbas à universidade. “Obrigado aos parlamentares que reconhecem o importante papel de nossa UESPI para mudar a vida das pessoas”, disse.

Foto: Reprodução/Facebook
Foto: Reprodução/Facebook

Fonte: Portal Az

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

VERA MENDES | Gardênia Oliveira é eleita secretária executiva da CIR do Vale Guaribas

A primeira dama e secretária de Saúde do município de Vera Mendes, Gardênia da Silva Oliveira, foi eleita secretária executiva da Comissão de Intergestores Regional do território do Vale Guaribas.

GERAL

Niède Guidon critica falta de atenção com a Serra da Capivara e diz que burrice de gestores impede crescimento

A presidente da Fundação Museu do Homem Americano (Fumdham), arqueóloga Niède Guidon, falou sobre a crise no Parque Nacional da Serra da Capivara e disse que os políticos do Piauí

GERAL

Piauí realizará evento sobre energias renováveis

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Tecnológico (Sedet) recebeu, nessa quinta-feira (14), pesquisadores e representantes de empresas internacionais que trabalham com energias renováveis para debater projeto que prevê