VERA MENDES | Caminhada e palestra alertam para a prevenção ao suicídio
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 13/09/18

 VERA MENDES | Caminhada e palestra alertam para a prevenção ao suicídio

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS), a cada 45 minutos uma pessoa se suicida no Brasil. A falta de informação e de discussão em casa e nas escolas é um dos fatores que dificultam a prevenção de novos casos.

Para abrir um canal de debate e evitar essa ocorrência, foi instituída a campanha Setembro Amarelo, tendo a data de 10, como o Dia Mundial de Prevenção do Suicídio e se estende ao longo de todo o mês para alertar e prevenir o suicídio.

Reconhecendo a importância de tal ação, a Prefeitura de Vera Mendes aderiu a campanha e realizou na tarde desta quarta-feira,12, uma caminhada e uma palestra com a proposta de chamar a atenção para o Setembro Amarelo em prevenção ao Suicídio, que busca desmistificar o tema e incentivar as pessoas a procurar ajuda.

A caminhada percorreu a principais ruas de Vera Mendes, quando profissionais das Secretarias de Saúde, Educação e Assistência Social, além de estudantes da rede municipal de ensino, munidos de faixas e cartazes,  conscientizaram e alertaram  a população para o combate ao suicídio.

O evento de valorização pela vida culminou na quadra poliesportivo, onde foi realizado uma apresentação de dança voltada a temática, conduzida pelas crianças do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos-SCFV.

O prefeito de Vera Mendes, Milton Oliveira, falou sobre a ação.  “Nós apoiamos essa causa, que é tão importante, queremos nosso município fora desse índice de suicídio, por isso é necessário trabalhar a prevenção, e incentivar e  ações de valorização pela vida”, frisou.

Foi realizada também uma palestra, ministrada pela psicóloga Graça Moura, que de forma sucinta e dinâmica abordou o assunto. Ela ainda explanou sobre temáticas de valorização da vida, bem como, a importância de procurar ajuda profissional.   “É importante frisar que temos que buscar observar nosso próximo de forma mais calorosa, hoje vivemos em um tempo que a tecnologia trazem mais barreiras para o contato olho no olho. Muitas vezes deixamos de perceber que nossos amigos e familiares não estão tão bem ou felizes, dando indícios de que precisam de ajuda”, disse.

 

 

Veja fotos:

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES

Criança sobe em torre de 50 metros de altura para pegar pipa no Piauí

Um garoto de 10 anos de idade mobilizou equipes de resgate no litoral piauiense. A criança subiu em uma torre de telefonia próximo à Praia de Atalaia, em Luís Correia,

DESTAQUES

Homem é encontrado morto após esfaquear ex-esposa e namorado no Piauí

Um homem foi encontrado morto horas depois de esfaquear a ex-mulher e o atual namorado dela na manhã desta sexta-feira (12), no litoral do Piauí. As duas vítimas foram resgatadas