Polícia investiga se ordem de incêndio a ônibus partiu de presídio no Piauí
Publicado por: Junior Oliveira | Data: 23/08/17

Polícia investiga se ordem de incêndio a ônibus partiu de presídio no Piauí

A Polícia Civil do Piauí está apurando se o incêndio na dessa segunda-feira (21) em zonas distintas de Teresina em três ônibus e uma caminhonete, tenha sido um ataque ordenado de dentro da Casa de Custódia. O incêndio foi de motivação criminosa, segundo apuração preliminar da polícia, e coincidiu com uma recente alteração na rotina da unidade penitenciária, que abriga hoje uma população carcerária de 1.024 homens.

Segundo o PI TV 2ª edição, presos de quatro pavilhões queimaram colchões, destruíram parcialmente várias celas e teriam ameaçado ordenar de dentro do presídio a destruição de ônibus na cidade.

“Vamos aguardar a apuração por parte da Polícia Civil para verificar a motivação e possíveis autores desse fato ou por quais motivos esses fatos foram registrados, disse o tenente-coronel John Feitosa, da Polícia Militar.

Para Daniel Oliveira, secretário de justiça do estado, é necessário uma investigação rigorosa. “É necessários ser analisado esses fatos com muita cautela, sabedoria e apresentando resultados. Quem tiver ordenado isso responderá judicialmente”, afirmou.

Polícia Militar se aproxima da Casa de Custódia na noite de terça-feira (22) (Foto: Ellyo Teixeira / G1)Polícia Militar se aproxima da Casa de Custódia na noite de terça-feira (22) (Foto: Ellyo Teixeira / G1)

Nesta terça-feira (22), detentos do pavilhão B da Casa de Custódia de iniciaram no começo da noite um motim. É a segunda rebelião esta semana no estabelecimento prisional situado na Zona Sul de Teresina. Informações do sindicato dão conta que o pavilhão B abriga atualmente 277 presos, quando a capacidade é para apenas 80.

A Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus) informou que houve um distúrbio do Pavilhão B, mas foi controlado imediatamente, pois a segurança no presídio está reforçada. A Secretaria negou que tenha havido motim. “Eles só começaram a se aglomerar, mas a Polícia Militar com o nosso efetivo especial entrou no pavilhão e a unidade está sem alteração”, disse o subsecretário de justiça, Carlos Edilson Sousa.

Fonte: G1 Piauí

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍCIA

Agentes e policias militares abortam tentativa de fuga de 31 detentos de presídio no Piauí

Agentes penitenciários e policiais militares que fazem a segurança do presídio de Vereda Grande, zona rural de Floriano, cidade a 234 quilômetros de Teresina, conseguiram evitar que uma fuga em

POLÍCIA

Detento é morto a facadas dentro da Casa de Custódia

Um detento da Casa de Custódia de Teresina, identificado como Francisco Egilson da Costa Carneiro, foi morto no início da manhã deste sábado (19). O preso estava detido desde ontem

POLÍCIA

Jovem é mantida em cárcere privado e agredida com facão por ex-namorado no Piauí

Uma jovem de 29 anos denunciou para a Polícia Civil do Piauí ter sido mantida em cárcere privado por cerca de 10 horas e ter sido agredida com um facão