Mais de 2 mil gestores e ex-gestores podem ficar inelegíveis, diz TCE
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 08/08/16
Comments 0

Mais de 2 mil gestores e ex-gestores podem ficar inelegíveis, diz TCE

Uma lista com mais de 2 mil nomes relaciona gestores e ex-gestores públicos do Piauí que poderão ficar inelegíveis. A afirmação é do conselho do Tribunal de Contas do Estado (TCE), dada na manhã desta segunda-feira (8) durante o Bom Dia Piauí.  A lista com mais de 2 mil nomes deverá ser divulga pelo TCE até o dia 15 de agosto.

Conforme o conselho, os administradores públicos que estão nesta lista tiveram suas contas reprovadas pelo pleno nos últimos oito anos e poderão ter suas candidaturas impugnadas.

Conforme o conselheiro Jailson Campelo, do TCE, o principal motivo da reprovação das contas desses gestores se dá por conta da má adminsitração pública e da má aplicação e desvio dos recursos. De acordo com Jailson, quando o Tribunal reprova quando se esgotam todas as oportunidades de acordo com o gestor.

“Quando o TCE adota essa medida de reprovar é porque certamente houve desvio de recursos ou grave infração à norma como simulação de licitação, irregularidade na aplicação de recursos, na construção de obras, limpeza pública, contratações que efetivamente não se destinaram à prestação de serviços aos munícipes. Enfim, é uma gama de irregularidades, infelizmente”, contou.

Conforme ele, a legislação estabelece que ficam inelegíveis aqueles gestores que tiveram suas contas reprovadas pelo Tribunal de Contas nos últimos oito anos. Para isso, o TCE elabora uma lista e a encaminha para a Justiça eleitoral. Mas para que o gestor fique inelegível é necessário que o Ministério Público Eleitoral entre no caso ou mesmo que haja uma reação das coligações adversárias.

“O recomendado é que aquele que tiver o nome divulgado constando nessa lista não deveria nem mesmo se candidatar, mas uma vez o gestor insistindo na candidatura, certamente o MP ou as coligações e as certamente impugnarão os seus registros de campanha”, disse o conselheiro.

G1

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES

Prefeito quer criar “Bolsa Família Municipal” em cidade do Piauí

O prefeito Léo Matos (MDB) enviou a Câmara Municipal de Gilbués o projeto de Lei de interesse social que cria o “Bolsa Família Municipal” que vai contemplar famílias em situação

DESTAQUES

Ex-prefeito de Curral Novo é condenado por improbidade e tem direitos políticos suspensos

O ex-prefeito de Curral Novo do Piauí, Erisvaldo Gomes de Oliveira, foi condenado pela Justiça Federal em uma ação civil pública movida pelo próprio do município, pela prática de improbidade

Jaicós 0 Comments

Jaicoense é ameaçado e desaparece em São Paulo; família está a procura

Um jovem de 24 anos, identificado por Jailson José da Silva, natural do município de Jaicós, está desaparecido desde a última terça-feira, dia 11 de outubro. Ele residia há quatro