Barroso Neto é diplomado e assume a Prefeitura de Santa Cruz do Piauí dia 1º de janeiro
Publicado por: Danilo Bezerra | Data: 17/12/16
Comments 0

Barroso Neto é diplomado e assume a Prefeitura de Santa Cruz do Piauí dia 1º de janeiro

O município de Santa Cruz do Piauí viveu uma noite histórica nesta sexta-feira, 17, quando a Justiça Eleitoral diplomou os candidatos eleitos nas eleições de outubro deste ano, dentre eles, o prefeito eleito Francisco Barroso de Carvalho Neto (PTB), que foi calorosamente aplaudido, quando chamado a receber o diploma das mãos de seu pai Jurandir Martins.

 O evento aconteceu no polo da Universidade Aberta do Piauí, marcado pela emoção, euforia e a presença de um grande público, que lotou o grande auditório. A solenidade foi presidida pelo juiz da 66ª Zona Eleitoral, Dr. Clayton Rodrigues de Moura Silva, sendo o último ato do processo eleitoral, que tornou os candidatos aptos a tomarem posse nos respectivos cargos no próximo dia 1º de janeiro, para um mandato de quatro anos – 2017 a 2020.

Ao lado de Barroso Neto, foi diplomado o vereador Francisco Geneval Gonçalves, popularmente conhecido como Nego de Boza (PTB), eleito vice-prefeito do município na chapa majoritária da Coligação “A Mudança que o Povo Quer”. Candidatos oposicionistas, Barroso e Nego venceram as eleições com a maior votação da história do município, 2.414 votos, o que corresponde 53.78% dos votos válidos, uma diferença de 339 votos sobre o candidato adversário.

Barroso Neto e Nêgo de Boza são diplomados prefeito e vice-prefeito de Santa Cruz do PI

Na mesma solenidade, também foram diplomados os nove vereadores eleitos – Rogério Ricardino de Oliveira (Rogerio Bié – PSB), Raimundo Rodrigues de Moura Neto (PTB), Joseudes Maria Gonçalves Barbosa Damasceno (PSB), Francisco Pinheiro (Totó – PP), Altamir Galdino dos Santos (PRTB), Morse Martins Santos Moura (PSB), Murilo Clementino Santos (PTB), Antônio Valdir Leal Santos (PTB) e Miguel Pereira da Silva (PRTB).

Eleitos e suplentes diplomados em Santa Cruz do Piauí

Barroso Neto tem 32 anos, é administrador e de uma família tradicionalmente política. Ele é filho do ex-prefeito de Santa Cruz, Jurandir Martins, e irmão do médico Jurandir Filho, que atualmente é diretor geral do Hemopi.

Em seu pronunciamento, Barroso afirmou que a eleição foi o maior desafio que ele enfrentou na vida, segundo ele, não por inexperiência ou imaturidade, mas, pelas dificuldades de disputar as eleições contra adversários de grande poder político e econômico. “Mas em meio a tudo isso, prevaleceu as nossas andanças nos lares das famílias, o nosso projeto de governo, a nossa mensagem de mudança, de liberdade e progresso, de termos uma Prefeitura que trabalhe para a maioria da população, e não apenas para um pequeno grupo, como vemos atualmente”, disse.

Prefeito diplomado, Barroso Neto

O prefeito eleito dirigiu vários agradecimentos, destacando, o apoio do seu pai, Jurandir Martins, com quem disse ter aprendido a fazer política, além do seu irmão Jurandir Filho, do seu candidato a vice-prefeito, Nego de Boza, dentre outros. Em seguida, agradeceu ao povo. “O meu agradecimento sincero e verdadeiro ao povo de Santa Cruz por me tornar prefeito com a maior votação da história deste município. Tenham a certeza que, a partir de 1º de janeiro, vocês terão um prefeito responsável, trabalhador incansável e com dedicação exclusiva a ser um dos maiores prefeitos que nossa cidade já viu”, disse, enfatizando que será um trabalho árduo. Barroso pediu paciência e compreensão dos munícipes. “Vamos receber um município que está um caos”.

Barroso Neto ao lado dos pais e irmãos

Ao finalizar seu pronunciamento, o prefeito eleito afirmou que vai governar para todos. “Serei o prefeito de todos os santa-cruzenses. Nosso trabalho será em prol de toda a população, voltado, principalmente, àqueles mais carentes”.

Em seu longo e empolgante pronunciamento, o médico e líder político do município, Dr. Jurandir Filho, destacou votação recebida por Barroso Neto e a herança política herdada por ele, seguindo o exemplo de seu pai, Jurandir Martins e de outros familiares que também já exerceram o cargo de prefeito.

Dr. Jurandir Filho

Dr. Jurandir falou sobre a situação em que se encontra o município, com inadimplência e obras paralisadas, e salientando que o povo deverá ter paciência e futuro prefeito muita serenidade para fazerem uma gestão voltada aos anseios do povo. “Santa Cruz clama por liberdade, e você terá a missão de fazer o nosso povo voltar a sorrir e bater no peito e dizer: eu sou de Santa Cruz do Piauí”.

[sociallocker][/sociallocker]

Posse
Barroso assume a gestão do município em solenidade da Câmara Municipal no dia 1º de janeiro, data que ele definiu como o início de um novo tempo. “Será uma data especial, marcante não só para mim, mas para todo o nosso município. O dia do início de um novo tempo para Santa Cruz”.

Após a solenidade de posse, uma grande festa em praça pública vai comemorar o início do governo Barroso Neto. Dentre as atrações, a dupla Sirano e Sirino, o cantor Rômulo Junior, além de artistas locais. “Deixo aqui o meu convite a todos os santa-cruzenses e a população de toda a região para virem compartilhar conosco dessa alegria. Estaremos de braços abertos para acolher a todos”.

sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES

Homem finge ser gerente da Caixa e faz mais de 40 vítimas com ‘vantagens’ para o Minha Casa Minha Vida

O sonho da casa própria levou pelo menos 42 pessoas a serem vítimas de uma suposta quadrilha de estelionatários que atua emTeresina e Parnaíba há quatro anos. Segundo a Polícia Civil, o grupo

DESTAQUES

Polícia prende 14 acusados de tráfico de drogas na Operação Dominó

A Polícia Civil do Piauí, através das Delegacias Regionais de Uruçuí e Floriano, deflagraram na manhã dessa quinta-feira (08/11), a Operação Dominó, cujo objetivo é desarticular uma organização criminosa especializada no tráfico

DESTAQUES

Polícia Civil prende mulher acusada de envolvimento na morte de menor em Picos

Na noite desta quarta-feira (05), por volta de 19h, agentes da 3° Delegacia de Polícia Civil, em Picos, deram cumprimento ao Mandado de Prisão Preventiva em desfavor de Angelita Ferreira