Corpo de frentista que estava desaparecido em cidade do Piauí é achado na BR-316
Publicado por: Francieldo Araújo | Data: 15/03/19

Corpo de frentista que estava desaparecido em cidade do Piauí é achado na BR-316

O corpo do frentista inhumense Romário Martins, de 26 anos, foi encontrado na manha desta sexta-feira (15/03) no Km 228 da BR 316, entre as cidades de Valença e Inhuma. As informações são do Portal V1.

Romário Martins estava desaparecido desde a última quarta-feira (13/03), quando foi visto pela última vez no Posto Ipiranga de Inhuma, onde trabalhava.

Informações dão conta que na quarta-feira (13/03), ele passou parte da noite brincado com os colegas no posto e por volta das 02h, abasteceu a moto e saiu dizendo que iria a Valença.

Como não apareceu no horário de trabalho, por volta das 18h, colegas entraram em contato com familiares, quando foram informados que ele estava desaparecido.

Um grupo de amigos iniciaram as buscas no sentido de Valença e Ipiranga, onde o mesmo tem um filho, mais não houve êxito, devido a escuridão.

As buscas foram reiniciadas, quando seu corpo foi localizado no mato na BR 316 na altura do KM 228, nesta sexta-feira.

 

 

 

 

Fonte: Portal V1.


ACOMPANHE O PORTAL NAS REDES SOCIAIS:
@cidadesnanet
Facebook.com/cidadesnanetoficial

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

Corso vai abrir o Carnaval de Picos 2017

Indo para a sua 5ª edição, o Corso de Picos irá mais uma vez fazer a abertura do Carnaval picoense. O evento é uma idealização da Prefeitura de Picos, através da Secretaria

Jaicós

JAICÓS | Imagens de Nossa Senhora retornam à Igreja Matriz na abertura do novenário após 30 dias de peregrinação; veja fotos

O padre Francidilso Silva Nascimento, pároco da Paróquia Nossa Senhora da Conceição, em Bocaina, presidiu na noite desta terça-feira (15) a primeira noite de missa novena dos festejos de Nossa

NOTÍCIA DESTAQUE

PRF usa equipamento scanner 3D para detectar falhas em ‘rodovia da morte’

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) vem utilizando scanner 3D para mapear a situação da BR-135, no Sul do Piauí, mais conhecida como ‘rodovia da morte’. De acordo com PRF, o