Governador Wellington Dias confirma aliança com JVC em 2020 e 2022
Publicado por: Josely Carvalho | Data: 08/11/19

Governador Wellington Dias confirma aliança com JVC em 2020 e 2022

Ao ser questionado se o alinhamento entre o PT e PTB seria não só administrativo, Wellington frisou que também pretende continuar com o alinhamento político com o ex-senador.

“Político! No sentido, de um lado, com tudo que representa nessa colaboração, nesse apoio, nesse trabalho com o governo e desenvolvimento do Piauí. E também da minha parte, de tudo que vamos trabalhar, queremos o fortalecimento do partido”, continuou.

Reestruturação no PTB

Wellington também disse estar contente cm o retorno de João Vicente para a política piauiense e para o comando do PTB. O petista acredita que o ex-senador vai conseguir reestruturar a sigla para as eleições.

“E fico feliz por que? Porque ele, a frente do PTB, com essa liderança é a certeza do fortalecimento do partido, ou seja, mais líderes estão se filiando, estão chegando, estão retomando gente, inclusive, que estava fora da política e estão voltando. E o Piauí precisa de bons líderes e, com certeza, quem ganhará é o Piauí”, finalizou Wellington.

Fonte: GP1

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍTICA

Seca no Piauí se agrava e governador vai a Brasília pedir socorro ao Governo Federal

O governador Wellington Dias viaja a Brasília para pedir ‘socorro’ ao Governo Federal e tentar viabilizar recursos para tratar a seca no Piauí.  O gestor se reunirá, nesta quarta-feira (11),

Legislativo em Foco

Câmara Municipal de Vila Nova do Piauí aprova diminuição da taxa de iluminação pública

Na última sessão do 1º semestre de 2015, a Câmara Municipal de Vila Nova do Piauí presidida pelo vereador Roberto Moura(PSB) realizada na sexta-feira(26/06), aprova uma emenda na Lei Municipal

POLÍTICA

Firmino Filho rompe com PMDB, exonera secretários e forma novo bloco

A segunda foi de reuniões no Palácio da Cidade. O prefeito Firmino Filho (PSDB) convocou a base aliada para discutir a formação de um novo bloco de apoio na Câmara