Governo do Piauí vai pegar empréstimo de R$ 315 milhões
Publicado por: Danilo Bezerra | Data: 20/04/17

Governo do Piauí vai pegar empréstimo de R$ 315 milhões

O governador Wellington Dias (PT) sancionou na quarta-feira, dia 19 de abril, o projeto de lei que autoriza o Poder Executivo a contrair empréstimo na ordem de R$ 315 milhões junto a Caixa Econômica Federal. A operação financeira, com recursos oriundos do FINISA (Programa Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento), vislumbra investimentos em obras estruturantes, melhorando o acesso à água e esgotamento pela população piauiense.

O projeto havia sido aprovado pela maioria dos parlamentares da Assembleia, concentrando as discussões em torno de ação similar solicitada no final do ano passado. Nesse sentido, a nova autorização apenas ajuste os parâmetros assinalados anteriormente, permitindo desta vez que o Estado formalize o empréstimo sem necessitar do aval da União. Com isso, a projeção é que a consolidação da operação de crédito seja facilitada. “Em um empréstimo sendo liberado, eu dou aqui a garantia que o governador não receberá o outro empréstimo e que não haverá uma duplicidade de recebimento desse valor, até porque seria uma quebra de confiança com esta Casa, se o o governo decidisse receber os dois”, apontou na ocasião o secretário de Governo, Merlong Solano (PT).

Também deve ser sancionada nos próximos dias a autorização para que o Estado busque empréstimo junto ao Banco Mundial no valor de U$ 50 milhões voltado ao desenvolvimento do programa de modernização da gestão pública. “Os recursos se destinam à execução do Profisco II, que é o programa de aperfeiçoamento e modernização dos órgãos que atuam nas áreas de arrecadação de recursos e de pessoal, incluindo as Secretarias de Fazenda e de Administração e Previdência”, indicou o deputado Aluísio Martins (PT), que relatou a proposta na Assembleia.

O Piauí possui ‘folga’ para contrair empréstimos, haja vista que está bem abaixo do limite estipulado pelo Senado, assim, é importante ressaltar que os dados mais recentes apontam inclusive para uma queda no endividamento do Estado, onde em 31 de dezembro de 2016 a Dívida Fiscal Líquida chegava a R$ 2,595 bilhões, já até o dia 28 de fevereiro de 2017, o valor atingia R$ 1,282 bilhão; ou seja, apresentando uma redução é de pouco mais de R$ 1,312 bilhão.

Fonte: Jornal Meio Norte

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

ESPORTES

Brasil atropela Argentina e espanta fantasma do 7 a 1

Dois anos, quatro meses e dois dias depois do fatídico 7 a 1 contra a Alemanha, a seleção brasileira voltou a pisar no Mineirão. E nem sequer passou perto de

NOTÍCIA DESTAQUE

Caldeirão Grande do Piauí recebe formação do Projeto ‘Viva o Semiárido’

Com o objetivo geral de contribuir para a redução da pobreza e dos níveis de extrema pobreza da população rural do semiárido piauiense, por meio do incremento das atividades produtivas

NOTÍCIA DESTAQUE

No Piauí, 89 cidades são obrigadas a fazer levantamento sobre Aedes Aegypti

Segundo determinação do Ministério da Saúde, todos os municípios brasileiros com mais de 2 mil imóveis serão obrigados a fazer Levantamento do Índice de Infestação para o Aedes Aegypti (LIRAA).

MUNICÍPIOS

Prefeitura de Santo Antônio de Lisboa encerra amanhã concurso com 38 vagas

A Prefeitura Municipal de Santo Antônio Lisboa – PI, encerra neste domingo (11/1), as inscrições do Concurso Público 001/2014, cujo objetivo é o provimento total de 38 vagas, sendo que

Alagoinha do Piauí

ALAGOINHA DO PIAUÍ | Investigações de chacina estão adiantadas, aponta delegado

Seis dias após a execução de três pessoas em Alagoinha do Piauí, a Polícia Civil continua em campo para elucidar o crime. De acordo com o delegado, Aureliano Barcelo, as

NOTÍCIA DESTAQUE

Gás de cozinha fica até 10% mais caro e chega a custar R$ 65

A partir de 1º de setembro o preço do botijão de gás de cozinha ficará 7,7% mais caro no Piauí. Em Teresina, o produto que podia ser encontrado por R$