JAICÓS | Ex-prefeito Crisanto rebate acusações contra prefeita Waldelina
Publicado por: Danilo Bezerra | Data: 30/10/14

JAICÓS | Ex-prefeito Crisanto rebate acusações contra prefeita Waldelina

O ex-prefeito e secretário de Saúde do município de Jaicós, Antônio Crisanto, esposo de Waldelina Sales (PRP), rebateu as denúncias feitas pelo vice-prefeito Ogilvan Oliveira, o Neném de Edite (PRP).

O secretário explicou que as secretarias de Educação e Saúde estão com as contas em dia e que, diferente das acusações de Neném, somente as pastas de Administração, Agricultura e Obras estão com o mês de setembro atrasado e não três, como foi denunciado. “Não tem nenhuma secretaria com atraso de três meses como ele disse, inclusive a Educação e Saúde estão em dia com suas obrigações. E a prefeitura não está fechada a cadeado como ele [vice-prefeito] afirmou”, negou o secretário.

Antônio Crisanto esclareceu, ainda, que o desequilíbrio financeiro que o município vive é em decorrência de ordens judiciais que tem obrigado a prefeita a arcar com dívidas da gestão anterior. “Temos que pagar dívidas com fornecedores, contratos e servidores da gestão anterior por força de ordem judicial. Por isso, alguns de nossos servidores estão sendo prejudicados. Esse desequilíbrio financeiro vai nos obrigar a demitir servidores comissionados, inclusive que ocupam cargos de confiança, para tentar ajustar as despesas do município. Vamos cortar na carne”, declarou.

Sobre o corte de energia elétrica da sede da prefeitura, Antonio explicou que o hospital estadual localizado em Jaicós está com as contas atrasadas o que teria levado a Eletrobras fazer o corte. “Que fique claro que o hospital estadual daqui está com as despesas atrasadas e a Eletrobras não perdoa e cortou a energia da sede da prefeitura também. Mas, estamos negociando e parcelando as dívidas para pagá-las”, explicou.

O secretário também negou a afirmação de que a prefeita Waldelina Crisanto morasse em Teresina e não em Jaicós. Antonio também assegurou que não há retaliação política e que as denúncias do vice-prefeito, não passam de querelas políticas. “Ela mora em Jaicós e não em Teresina. Não fazemos retaliação política nem ao vice e nem a ninguém. Isso é coisa de adversário. A prefeita usa as diárias para se deslocar e não há irregularidade nisso”, afirmou.

A respeito da acusação de Neném da Edite de que a prefeita não teria voz de mando no município, o secretário respondeu: “A prefeitura é administrada a quatro mãos. Até porque eu não iria deixar minha esposa sozinha nas mãos de pessoas que querem prejudicá-la. Por isso, como já fui prefeito e tenho experiência, sempre estou ao lado dela ajudando e colaborando no que for preciso”.

Ainda sobre a denúncia de Neném de que estaria fechada a casa de apoio a doentes de Jaicós que funcionava em Teresina, o secretário negou. “A casa de apoio não foi fechada. A única coisa que teremos que fazer é um controle da quantidade de pessoas que vai pra lá. Pois muita gente sai de Jaicós e vai pra casa mesmo podendo pagar uma pensão. Inclusive, o Neném hospedava pessoas dele na casa, por isso, a raiva dele”, rebateu Antônio Crisanto.

Com informações do portal GP1

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

NOTÍCIA DESTAQUE

Uma pessoa morre após caminhão tombar próximo a Monsenhor Hipólito

Mais um acidente com vítima fatal foi registrado no interior do Piauí. Por volta das 7 da manhã, desta sexta-feira (24), um homem veio a óbito após um caminhão carregado

Vila Nova do Piauí

Educação de Vila Nova do Piauí inicia Jornada Pedagógica para o ano letivo de 2019; confira programação

Teve início na noite desta segunda-feira (11), no Ponto de Cultura Cidade Poesia, na cidade de Vila Nova do Piauí, a Jornada Pedagógica para o ano letivo de 2019. A

NOTÍCIA DESTAQUE

Presidente do TRE-PI alerta para última etapa do recadastramento biométrico

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) em exercício, o desembargador Sebastião Ribeiro Martins, fez um alerta nesta sexta-feira (02) em relação aos eleitores dos 42 municípios que