100 órgãos reúnem 18 mil vagas com salários que vão até R$ 23 mil
Publicado por: Francieldo Araújo | Data: 20/08/18

100 órgãos reúnem 18 mil vagas com salários que vão até R$ 23 mil

Cem concursos públicos com inscrições abertas reúnem 18,2 mil vagas para profissionais de todos os níveis de escolaridade e diversos estados pelo país.

Além dos postos de trabalho abertos, há concursos para formação de cadastro de reserva – ou seja, os candidatos aprovados são chamados conforme a abertura de vagas durante a validade do concurso.

Só na Polícia Militar de São Paulo são 2,7 mil vagas para profissionais de nível médio, com salário de R$ 3,1 mil. As inscrições vão até o dia 10 de setembro.

Já no Tribunal de Justiça do Mato Grosso os salários chegam a R$ 23,5 mil, para 9 postos. Os interessados devem ter ensino superior e podem se candidatar até o dia 26 de setembro.

Somente nesta segunda (20), 14 órgãos abrem inscrições para mais de 500 vagas. Veja abaixo quais são:

Câmara Municipal de Cachoeira Dourada

Inscrições até: 20/09/2018

Vagas: 5

Salário máximo: R$ 2.100,00

Escolaridade: fundamental e médio

Estado: Goiás

Veja o edital

Marinha do Brasil

Inscrições até: 10/09/2018

Vagas: 90

Escolaridade: técnico

Veja o edital

Prefeitura de Alfenas

Inscrições até: 21/08/2108

Vagas: 29

Salário máximo: R$ 11.072,80

Escolaridade: superior

Estado: Minas Gerais

Veja o edital

Prefeitura de Cocal do Sul

Inscrições até: 09/09/2018

Salário máximo: R$ 6.627,07

Escolaridade: fundamental, médio, técnico e superior

Estado: Santa Catarina

Veja o edital

Prefeitura de Coromandel

Inscrições até: 26/08/2018

Vagas: 29

Salário máximo: R$ 1.134,29

Escolaridade: médio e técnico

Estado: Minas Gerais

Veja o edital

Prefeitura de Nossa Senhora da Glória

Inscrições até: 21/09/2018

Vagas: 199

Salário máximo: R$ 11.353,14

Escolaridade: fundamental, médio e superior

Estado: Sergipe

Veja o edital

Prefeitura de Osório

Inscrições até: 31/08/2018

Vagas: 6

Salário máximo: R$ 7.498,60

Escolaridade: técnico e superior

Estado: Rio Grande do Sul

Veja o edital

Prefeitura de Romelândia

Inscrições até: 18/09/2018

Vagas: 10

Salário máximo: R$ 20.421,21

Escolaridade: alfabetizado, fundamental, médio, técnico, superior

Estado: Santa Catarina

Veja o edital

Prefeitura de São Francisco de Sales

Inscrições até: 19/09/2018

Vagas: 74

Salário máximo: 1972,99

Escolaridade: fundamental, médio e superior

Estado: Minas Gerais

Veja o edital

Prefeitura de Várzea Paulista

Inscrições até: 09/09/2018

Vagas: 7

Salário máximo: R$ 5.032,04

Escolaridade: superior

Estado: São Paulo

Veja o edital

Serviço Autônomo de Água e Esgoto (SAAE) de Nepomuceno

Inscrições até: 18/09/2018

Vagas: 20

Salário máximo: R$ 2.980,50

Escolaridade: fundamental e médio

Estado: Minas Gerais

Veja o edital

Tribunal de Justiça de Mato Grosso

Inscrições até: 26/09/2018

Vagas: 9

Salário máximo: R$ 23.577,96

Escolaridade: superior

Estado: Mato Grosso

Veja o edital

Universidade Estadual do Norte do Paraná (UENP)

Inscrições até: 02/10/2018

Vagas: 6

Salário máximo: R$ 3.253,72

Escolaridade: fundamental, médio, técnico e superior

Estado: Paraná

Veja o edital

Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)

Inscrições até: 16/09/2018

Vagas: 31

Salário máximo: R$ 10.043,67

Escolaridade: superior

Estado: Mato Grosso

Veja o edital

Fonte: Com informações do G1

sobre o autor

POSTS RELACIONADOS

DESTAQUES

PICOS | PRF apreende van com carga de cigarros contrabandeados

Agentes da Polícia Rodoviária Federal apreenderam, durante a madrugada desta terça-feira (14), em Picos, uma van contendo 30.500 maços de cigarros contrabandeados, ou seja, sem registro da Anvisa. O veículo

DESTAQUES 0 Comments

PICOS | Padre Walmir diz não acreditar em pesquisa que aponta liderança de Gil Paraibano

Em entrevista concedida na sala de reuniões do Palácio Coelho Rodrigues, o prefeito de Picos, padre Walmir Lima (PT), de declarou descrente quanto a última pesquisa sobre intenções de voto

DESTAQUES 0 Comments

Supremo Tribunal Federal suspende lei que autoriza uso da ‘pílula do câncer’

Por 6 votos a 4, o Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta quinta-feira (19) suspender uma lei, válida desde abril deste ano, que autorizou pacientes com câncer a fazer uso