Gestores de Vila Nova do Piauí participam do 3º Encontro Estadual do Programa Água Doce em Teresina
Publicado por: Willians Sousa | Data: 10/07/19

Gestores de Vila Nova do Piauí participam do 3º Encontro Estadual do Programa Água Doce em Teresina

Gestores da cidade de Vila Nova estão participando do 3º Encontro Estadual do Programara Água Doce do Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado do Piauí (Emater), através do Governo Federal e Estadual e do Ministério do Desenvolvimento Regional.

O evento iniciou na manha desta quarta-feira (10) e prossegue até esta quinta- feira (11), no auditório do Real Palace Hotel em Teresina. Neste ano traz o tema: “O Papel dos Estados, Municípios e Comunidades na Gestão Compartilhada de Dessalinização” e tem como objetivo levar dessalinizadores a povoados do Piauí. O encontro reúne representantes de municípios e comunidades que através de palestras são orientados e capacitados para o novo sistema de tratamento de água.

Do município de Vila Nova do Piauí, está participando o prefeito Edilson Brito, juntamente com vice-prefeito Antônio Tiago que é representante do Comitê Gestor da comunidade Cacimbas, zona rural de Vila Nova; o operador de Poço de Lagoa Comprida, Bernardino (Bel); a representante de Barreirinho, Irma; Valmir da localidade Caninhas, e representando a secretaria municipal de Saúde de Vila Nova, Killson da Silva.

Para o vice-prefeito Antônio Tiago, o Programa Água Doce que apresenta sistemas de dessalinização esclarece também sobre o teor de qualidade da água.

Eu vejo que pra essas comunidades contempladas, elas estão de parabéns em ter uma água de qualidade permanente, diferente do abastecimento de carros Pipa que é um abastecimento provisório, e a água não tem a mesma qualidade da água do Programa Água Doce, que é uma água com um teor de pureza acima da água mineral. O teor de qualidade da água mineral é de aproximadamente 87% e da água do programa água doce é de aproximadamente 97%. O mais relevante é que com essa água de qualidade, melhora a qualidade de vida das pessoas, evitando doenças, tais como: cálculo renal, doenças no estômago e outras. Além disso como já citei acima a comunidade tem água de qualidade permanente”, destacou.

O prefeito Edilson Brito, participante do evento, disse que a capacitação esclarece muito sobre o sistema e a qualidade da água.

“Um evento como esse é de suma relevância porque assim teremos maior conhecimento sobre qualidade da água, sendo que o sistema de dessalinização faz-se necessário para deixarmos a água mais saudável. Existem algumas doenças que afetam a agente por conta da baixa qualidade da água”, ressalta.

O evento durante toda esta quarta-feira (10), iniciou com a apresentação do PAD Nacional, estadual, compondo também a mesa com representantes das comunidades; mesa com representantes do secretários municipais de saúde e educação dos municípios atendidos pelo programa. Durante a tarde, foi realizado o curso do sistema de dessalinização, com a participação de todos os presentes – Coordenação Nacional Fábio Peixoto; apresentação do componente mobilização social/sustentabilidade ambiental – os acordos de gestão compartilhada como meio para a gestão de sistemas de dessalinização – PAD/PI.

Nesta quinta-feira (11), a programação segue com a grupos de trabalho para o compartilhamento de experiências sobre a gestão compartilhada dos sistemas de dessalinização por meio dos acordos de gestão. Haverá a apresentação de resultados dos grupos e trabalho por relatores escolhidos em cada grupo.

Lançado em 2004, o Programa Água Doce (PAD) é uma iniciativa do Governo Federal, em parceria com instituições federais, estaduais e municipais e da sociedade civil, que visa atender populações de baixa renda residentes em localidades difusas do semiárido, com acesso à água de boa qualidade para consumo humano, a partir do aproveitamento de águas subterrâneas salobras e salinas. O programa promove e disciplina a implantação, a recuperação e a gestão de sistemas de dessalinização sustentáveis, democratizando, assim, o acesso à água de boa qualidade para consumo humano.  No Piauí, os investimentos do programa chegam a R$ 13 milhões, divididos entre os governos Federal e Estadual.     

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

NOTÍCIA DESTAQUE

MPF processa o INSS por atraso em perícias médicas no Piauí

O Ministério Público Federal (MPF) no Piauí ajuizou Ação Civil Pública, com pedido de liminar, contra o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), pela excessiva demora na realização das perícias

NOTÍCIA DESTAQUE

Bebê internada por suspeita de espancamento é transferida para Teresina em Samu aéreo

A bebê de 1 ano internada por suspeita de espancamento no Hospital Estadual Dirceu Arcoverde (Heda), em Parnaíba, no Litoral do Piauí, foi transferida nesta quarta-feira (30) para a capital. A assessoria do

NOTÍCIA DESTAQUE

Prefeitura de Teresina lança edital para 572 vagas de professor substituto

oi publicado pela Prefeitura de Teresina nesta segunda-feira (8) o edital do processo seletivo simplificado para o provimento de 572 vagas para professor substituto da Secretaria Municipal de Educação (Semec).