MP recomenda suspensão do edital de convocaçao de concurso da Eletrobras Piauí
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 16/07/15

MP recomenda suspensão do edital de convocaçao de concurso da Eletrobras Piauí

  O procurador do Ministério Público José Wellington recomendou nessa quarta-feira (15) que a Eletrobrás Piauí suspenda o edital de convocação dos 1.100 aprovados no último concurso público da companhia e publique um novo. De acordo com ele, o novo edital deve assegurar que os candidatos tenham um prazo de 30 dias entre a data da convocação e a realização dos testes.

A decisão do magistrado foi após a audiência entre os aprovados e representantes da Eletrobras. Na oportunidade, os candidatos solicitaram um novo prazo para a realização dos testes físicos, que segundo o edital, seria apenas cinco dias úteis.

“São 1.100 que devem realizar consultas médicas, exames necessários e obtenção de atestados. É impossível que neste pequeno prazo todos consigam fazer todo o procedimento, até porque muitos dos candidatos precisam recorrer a rede pública de saúde. Desta forma, eles poderiam acabar perdendo a vaga que tanto esperam”, frisou a advogada Rubenita Lessa que acompanha os concursados.

O procurador José Wellington acatou o apelo dos aprovados no concurso e considerou o prazo insuficiente e prejudicial aos candidatos. Durante a sua decisão, ele frisou que caso a suspensão do edital não aconteça, a Procuradoria do Trabalho entrará com uma ação judicial contra a Eletrobrás.

A representante dos aprovados no concurso da Eletrobras, Eveline Martins, comemorou a decisão, mas destacou que a tranquilidade só virá quando finalmente estiver nomeada. “Estudamos, nos esforçamos para conseguir ser aprovados no concurso público e ter a tão sonhada estabilidade e não é justo correr o risco de ser eliminado do concurso por não ter tido a oportunidade de realizar o teste físico,  devido ao pequeno prazo que nos foi dado para adquirir o atestado. Como poderíamos todos realizar estes exames em tão pouco tempo?”, indagou a concursada.

A Eletrobras ficou de se posicionar sobre a decisão, mas até o fim desta reportagem não encaminhou resposta.

 

G1

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

NOTÍCIA DESTAQUE

Feminicídio | 28 mulheres foram assassinadas brutalmente no Piauí em 2019

O Brasil sendo o 5º país do mundo onde mais acontecem feminicídios, o crime de ódio em relação ao gênero, que é definido como o assassinato de mulheres, vitimou um

Paulistana

Mais de 500 famílias serão beneficiadas com doação de alimentos; veja os municípios

Comunidades quilombolas no Piauí começaram a receber, nesta semana, as cestas de alimentos doadas pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab). Cerca de 533 famílias em situação de insegurança alimentar e

NOTÍCIA DESTAQUE

Projeto que obriga preso a pagar por suas despesas é aprovado

A Comissão de Direitos Humanos (CDH) do Senado aprovou, nessa terça-feira (14), projeto de lei que obriga presos a pagarem por suas despesas na prisão. O texto segue para a análise do