PM prende dois com 4 kg de maconha, além de cocaína e crack
Publicado por: Odaliana Carvalho Veloso | Data: 29/09/15

PM prende dois com 4 kg de maconha, além de cocaína e crack

  Uma operação da Polícia Militar prendeu duas pessoas e apreendeu uma grande quantidade de droga em uma casa na cidade de Ilha Grande, no litoral do Piauí, nesta terça-feira (29). Segundo informações do major Adriano de Lucena, comandante do 2º Batalhão de Polícia Militar de Parnaíba, o local foi descoberto graças ao trabalho da inteligência da PM.

“Nós fazemos diariamente o levantamento de locais onde drogas possam estar sendo comercializadas. O nosso serviço reservado de inteligência realizou a identficação do local, estabelecemos um monitoramento realizamos a abordagem. Na ação de hoje, um homem e uma mulher foram presos e uma terceira pessoa conseguiu fugir”, afirmou o major.

O oficial disse ainda que todo o material apreendido ainda não havia sido contabilizado. “Quem vai dar a certeza (sobre a quantidade) será a perícia criminal, mas até o momento contabilizamos quatro quilos de maconha, além de cocaína, crack, dinheiro e celulares”, contou.

Cerca de 10 homens da Força Tática e do grupo do serviço reservado de inteligência participaram da ação que ocorreu por volta das 15h.

 

G1

sobre o autor

DEIXE UM COMENTÁRIO


POSTS RELACIONADOS

POLÍCIA

Polícia apreende menor acusado de praticar onda de furtos em Picos

A Polícia Militar apreendeu na tarde da última quarta-feira, 07, na Rua Luiz Nunes, bairro São José, um menor de iniciais L.S, de 17 anos, acusado de cometer vários furtos

POLÍCIA

Polícia investiga homem que aparece em vídeo agredindo meninas de 17 e 13 anos

A Polícia Civil está investigando um caso de tortura em Indaial, no Vale do Itajaí. Em um vídeo, um homem de 47 anos aparece agredindo duas meninas, de 17 e 13

POLÍCIA 0 Comments

Dois homens são detidos na Bahia após assalto a banco no Piauí

Dois homens foram detidos para averiguação após troca de tiros com a polícia da Bahia na tarde desta segunda-feira (14). Eles são suspeitos de participarem do assalto ao Banco do